Siga-nos

Perfil

Expresso

Pssst…. A CGD não é um banco qualquer, é um banco público… pú-bli-co

Por várias vezes defendi que a Caixa Geral de Depósitos jamais deveria ser privatizada. O Estado precisa de uma instituição financeira forte que possa ajudar na prossecução de determinados objetivos económicos, seja como instrumento de fomento à poupança, como recurso ao crédito para sectores estratégicos ou peça fundamental na ajuda à utilização de fundos europeus.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito para Assinantes ou basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso, pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido