Siga-nos

Perfil

Expresso

Se não é polvo, é lula

  • 333

A pequena vírgula que Portugal é para o Brasil no escândalo ‘Lava Jato’ pode ser uma grande foice vista do lado de cá. Porque pode significar uma espécie de internacionalização da rede de negócios do regime português que envolveu BES, PT, CGD e o PS, com diversas ramificações incluindo o Grupo Lena, e que passou pelo Brasil, Venezuela e Angola, alojando dinheiro em onshores, como a Suíça, e em offshores, como o Panamá.

Para continuar a ler o artigo, clique aqui.