18
Anterior
Ronaldo vai ser o mais bem pago do mundo
Seguinte
Hoje nos desportivos
Página Inicial   >  Desporto  >   O que se pode fazer com 800 mil euros?

Hipóteses para Ronaldo "torrar" o ordenado

O que se pode fazer com 800 mil euros?

Extravagâncias podem ir dos carros a viagens à lua. Com 800 mil euros por mês, o difícil é ter limites. Principalmente se se tem apenas 22 anos. Aqui ficam algumas sugestões.
|

Uma casa portuguesa, com certeza

Em Portugal, as extravagâncias podem começar por comprar uma "modesta" moradia em Cascais: T4+1, com 358 m2. Preço: 750 mil euros. E pode comprá-la a pronto. Basta um mês de trabalho.






Um ano no Lapa Palace

Para quem deseje uma vida mais itinerante, pode optar por viver durante cerca de um ano na Suite Conde de Valenças, a mais luxuosa do Hotel Lapa Palace, em Lisboa. A diária é de 2500 euros.






Moda dos carros

Para amantes de carros, 800 mil euros servem para comprar três Porsches 911 GT2. Cada um está avaliado em 224 mil euros, pelo que ainda sobraria algum dinheiro para abastecer os veículos.






O mais caro do mundo

Se quiser ser mais ambicioso, pode mesmo pensar em adquirir o Bugatti Veyron, carro contra o qual Ronaldo fez uma "corrida" no último anúncio da Nike. O "brinquedo" está avaliado em mais de um milhão e cem mil euros. Coisa pouca, já que os 800 mil euros mensais transformam-se em 9,1 milhões anuais, que poderiam comprar oito (!) Bugattis.




Ir de férias... para onde quiser

Para quem trabalha, é preciso descansar. Com um salário de 800 mil euros, o destino não será um problema. O Iate Annaliesse, um dos mais luxuosos do mundo, custa 567 mil euros por semana, pelo que poderá passar ali uma semana e meia de férias sempre que lhe apetecer. Mais uma vez, apenas um mês de trabalho chega para cobrir os custos.




Quase três meses no Dubai

Com um período de férias mais prolongado, poderá ir até ao Dubai e passar 80 noites no Burj-AlArab, o hotel mais caro do mundo, onde a diária custa 10 mil euros.






Cinco anos no restaurante mais caro de... Tóquio

Se a emigração for um objectivo de vida e o Japão um destino privilegiado, a alimentação não será um problema. Com um mês de trabalho garante que pode almoçar e jantar todos os dias do restaurante Aragawa, um dos mais caros do planeta, onde uma refeição pode chegar a custar 231 euros. Parece caro, mas pode fazê-lo diariamente durante... cinco anos!




Ir à lua, sozinho ou acompanhado

Sem limites visíveis, pode tentar ir mais além. O programa Virgin Galactic oferece viagens ao espaço por cerca de 135 mil euros. Ou seja, com 800 mil euros pode fazer seis viagens por mês ou, caso prefira, uma deslocação mensal em que convide cinco amigos para o acompanharem na aventura.




Um ano, uma ilha

Para o final de carreira e uma reforma de luxo, pode adquirir uma ilha no Dubai para gozar a sua reforma. O arquipélago que pertence a Michael Schumacher, por exemplo, está avaliado em sete milhões de euros, ou seja, custaria menos de um ano de trabalho a quem cumpra o sonho de auferir 800 mil euros mensais.




Opinião


Multimédia

Dez verdades assustadoras sobre filmes de terror

Este vídeo é como o monstro de "Frankenstein": ganhou vida graças à colagem de partes de alguns dos filmes mais aterrorizantes de sempre. Com uma ratazana mutante e os organizadores do festival de cinema de terror MotelX pelo meio. O Expresso foi à procura das razões que explicam o fascínio pelo terror, com muito sangue (feito de corante alimentar) à mistura. 

A paixão do vinil

Se para muitos o vinil é apenas uma moda que faz parte da cultura do revivalismo vintage, para outros ver o disco girar nunca deixou de ser algo habitual.

Portugal foi herdado, comprado ou conquistado?

Era agosto em Lisboa e, às portas de Alcântara, milhares de homens lutavam por dois reis, participando numa batalha decisiva para os espanhóis e ainda hoje maldita. Aconteceu em agosto de 1580. Mais de 400 anos depois, o Expresso deu-lhe vida, fazendo uma reconstituição do confronto através do recorte e animação digital de uma gravura anónima da época.

O Maradona dos bancos centrais

Dizer que Mario Draghi está a ser uma espécie de Maradona dos bancos centrais pode parecer estranho. Mas não é exagerado. Os jornalistas João Silvestre e Jorge Nascimento Rodrigues explicaram porquê num conjunto de artigos publicado no Expresso em Novembro de 2013 e que venceu em junho deste ano o prémio de jornalismo económico do Santander e da Universidade Nova. O trabalho observa ainda o desempenho de Ben Bernanke no combate à crise, revisita a situação em Portugal e arrisca um ranking dos 25 principais governadores de bancos centrais. Republicamos os artigos num formato especial desenvolvido para a web.

Com Deus na alma e o diabo no corpo

Quem os vê de fora pode pensar que estão possuídos. Eles preferem sublinhar o lado espiritual e terapêutico desta dança - chamam-lhe "krump" e nasceu nos bairros pobres dos Estados Unidos. De Los Angeles para Chelas, em Lisboa, já ajudou a tirar jovens do crime. Ligue o som bem alto e entre com o Expresso no bairro. E faça o teste: veja se consegue ficar quieto.

O Cabo da Roca depois da tragédia que matou casal polaco

Os turistas portugueses e estrangeiros que visitam o Cabo da Roca, em Sintra, continuam a desafiar a vida nas falésias, mesmo depois da tragédia que resultou na morte de um casal polaco, cujos filhos menores estavam também no local. Durante a visita do Expresso, um segurança tentou alertar os turistas para o perigo e refere a morte do casal polaco. O apelo não teve grande efeito. Veja as imagens.

Ó Capitão! meu Capitão! ergue-te e ouve os sinos

Ele foi a nossa ama... desajeitada. Ele foi o professor que nos inspirou no liceu. Ele trouxe alegria, mesmo nas alturas mais difíceis. Ele indicou-nos o caminho na faculdade. Ele ensinou-nos a manter a postura, mas também a quebrar preconceitos. Ele ensinou-nos que a vida é para ser aproveitada a cada instante. Ó capitão, meu capitão, crescemos contigo e vamos ter de envelhecer sem ti. 

Crumble. A sobremesa mais fácil do mundo

Tiger escolheu a gastronomia como forma de estar na vida, especialista em pratos de confeção acessível, com ingredientes ao alcance de qualquer pessoa. Veja, confecione, desfrute e impressione.

Voámos num F-16

Um piloto da Força Aérea voou com uma câmara GoPro do Expresso e temos imagens inéditas e exclusivas para lhe mostrar num trabalho multimédia.

Salada de salmão com sorvete de manga

Especialista em pratos de confeção acessível, com ingredientes ao alcance de qualquer pessoa, Tiger escolheu a gastronomia como forma de estar na vida. Veja, confecione, desfrute e impressione.

Por faróis nunca dantes navegados

São a salvaguarda dos navegantes, a luz que tranquiliza o mar. Há 48 faróis em Portugal continental e nas ilhas. Este é um acontecimento único: todos os faróis e 1830 km de costa disponíveis num mesmo trabalho. Para entendê-los e vê-los, basta navegar neste artigo.

Parecem casulos onde gente hiberna à espera de ver terra

No Porto de Manaus não há barcos, mas autocarros bíblicos que caminham sobre água. Têm vários andares e estão cheios de camas de rede que parecem casulos onde homens, mulheres e crianças aguardam o destino. E há gente a vender o que houver e tiver de ser junto ao Porto. "Como há Copa, tem por aí muito gringo que vem ter com 'nóis'. E então fica mais fácil vender"

O adeus de Lobo Antunes às aulas de medicina

O neurocirurgião deu terça-feira a sua "Última Lição" no auditório do Instituto de Medicina Molecular da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, na véspera de deixar o seu trabalho no serviço nacional de saúde.

Jaguar volta a fabricar desportivo dos anos 60

Até ao verão será fabricado um número limitado de desportivos Jaguar E-Type Lightweight, seguindo todas as especificações originais, incluindo a continuação do número de série das unidades produzidas em 1963.

"Naquela altura estavam continuamente a acontecer primeiras coisas"

Mais do que uma manifestação, o 'primeiro' 1º de Maio é recordado como a grande festa da Revolução dos Cravos, quando o povo saiu às ruas em massa e a união das esquerdas era um sonho possível. "O 1º de Maio seria mais uma primeira coisa, porque naquela altura estavam continuamente a acontecer primeiras coisas." Foi há 40 anos.


Comentários 18 Comentar
ordenar por:
mais votados
Vamos comparar
O que pode fazer um cidadão português com o ordenado mínimo nacional. E eles são muitas centenas de milhares...
O que se pode fazer...
Não desfazendo o sucesso do tuga do momento é impossível não perspectivarmos a situação. Existem 500 000 de desempregados ( de certo que a maior parte quer encontrar trabalho), e alguns largos milhares de desempregados com ensino superior.
Como madeirense que sou, com uma licenciatura e desempregado a 18 meses ( e não é por não tentar), este tipo de notícia provoca um certo "tilintar" da veia que passa por cima das orelhas.
Depois de 18 anos a estudar, sacrifícios e depressões para um dia ser alguém, hoje pertenço a uma triste estatística arrastado pela "crise" que a verborreia politica tanto anuncia e que nada faz, a não ser renovar a frota dos BMW e Mercedes das Autarquias.

Já agora, por ter passado grande parte do dia a enviar currículos, e outros tantos enviados sem sucesso, aproveito para enunciar que tenho 24 anos e sou licenciado em gestão. Não peço 800 000 euros por um mês de trabalho.
Se houver quem precise do meu trabalho, pode dizê-lo com um comentário a responder.
Esperemos
Esperemos que o Ronaldo, apesar dos seus apenas 22 anos, tenha mais consciência cívica do que muitas pessoas, nomeadamente o ... do autor do artigo, empregando boa parte do seu dinheiro em causas sociais que, infelizmente, não só cada vez mais necessitam de ajuda como se alargam em percentagem de população. Aí sim, pode marcar quantos golos quizer!
Dando seguimento á experiencia
O geito mais fácil para gastar, é continuar a sair com prostitutas finas, mas com este dinheiro todo dá até para contratar as mais caras de Londres... e lhes oferecer grandes jóias de presentes.
Estes salários são verdadeiramente imorais
O triste disto tudo é o que esse salário representa: a vitória (temporária) do capitalismo selvagem sobre a democracia civilizada.

O talento de Cristiano Ronaldo está fora de questão. Provavelmente é o melhor jogador do Mundo. O que está errado e é completamente imoral é a exorbitância do seu salário. Eusébio, à sua maneira, foi tão bom ou melhor que Ronaldo. No entanto, nunca ganhou nada que se parecesse. Os salários dos jogadores nos tempos de Eusébio faziam muito mais sentido do que os de hoje.

De resto, este fenómeno negativo não se passa só no futebol, tambem acontece noutras áreas, como por exemplo, os salários imorais dos administradores do Banco de Portugal, os salários verdadeiramente imorais da administração do BCP, etc.,etc.

Isto terá um limite. Tal como as patifarias do rei D. Carlos tiveram um fim trágico, lá chegará o tempo em que o Povo sairá às ruas e tomará a justiça e o poder em suas mãos.
Desafio a Cristiano Ronaldo
Gostava de fazer um desfio àquele que é provavelmente o melhor jogador de futebol do Mundo (pode haver outros tão bons como ele; dizer que há melhores, isso já me vai parecendo impossível).

Pegar nesses 800 mil euros de um ordenado e entregá-los a uma instituição que promova, por ex., a vacinação maciça de crianças num qualquer país em África.
Apenas um ordenado de um mês, nada mais.

Creio que ficaríamos todos para sempre orgulhosos daquele que é, aos 22 anos, por mérito próprio e exclusivo, um dos portugueses com maior projecção internacional.

:)
Triste
O caminho não é este!
Como podemos tolerar que alguém usufrua um salário tão elevado enquanto a maior parte da população mundial passa fome?
Sou trabalhador-estudante e penso pela minha cabeça, apesar de muitas vezes não poder emitir opinião. É que em muitas entidades patronais não existe liberdade de expressão.
Abram os olhos e deixem de ser máquinas conduzidas...
Acham este salário assim tão giro? Não vos ofende??
Mas que mundo...
Muito dinheiro,mas disperdiçado,à toaQue tristeza!
Muito queria que o jovem e formoso jogador madeirense Cristiano Ronaldo meditasse, so por alguns minutos, que com poucos milhares de euros, dos muitos que ele ganha todos os meses, ele poderia subsidiar a pesquisa cientifica relacionadas com as graves doenças que afectam a humanidade, aliviar o mal estar de menores, dos idosos e de outras categorias extremamente desfavorecidas, nao somente em Portugal, como também em outros lugares do planeta (Africa, Asia, América Latina). Afinal, Cristiano poderia muito bem, levando uma vida amplamente folgada, ajudar que nao teve ou nao tem a sorte de saber correr atras de uma bola de couro. Cristiano, enfim, um minimo de solidariedade!
ideias para pobres, s.f.f
Não vou aqui opinar sobre o salário de um jogador de futebol (nem deste em particular, nem de nenhum em geral), pois vejo que outros já o fizeram e seria repetir a mesma ideia: que aplicar parte do dinheiro em prol dos menos afortunados seria o moralmente mais decente!
Agora, depois de ler este artigo, do que eu gostava era de ler outro, que me seria muito mais útil, a mim e à maior parte das pessoas que conheço: ideias geniais para viver com o ordenado mínimo!
Presumo que o objectivo do jornalista fosse ter alguma piada. Teria, até, se tivesse exposto as suas ideias a uns amigos, em casa ou no café; mas, num jornal? give me a break!

De qualquer maneira, um conselho para o Cristiano: nunca se sabe o dia de amanhã!
Re: ideias para pobres, s.f.f
Ordenado do Cristiano ou de outros semelhantes
Pelo artigo, parece que apenas o 'nosso' Cristiano Ronaldo ganha um ordenado altíssimo. De longe lhe quero titar o mérito, e creio que é de opinião geral que estes ordenados são geralmente imorais. Mas aproveitando o artigo, e seguindo as ideias apresentadas, melhor seria se também apresentassem formas construtivas de aplicar este - ou outro qualquer - ordenado de valor semelhante. Junto seguem algumas:
- Lembro-me logo de aplicá-lo em novas tecnologias para o meio ambiente. Não nos podemos esquecer que esta área, além de fundamental para o nosso futuro, é uma área onde se pode criar muitos empregos;
- Criar escolas ou fundações que promovam a formação profissional;
- Institutos de incentivo à criação de novas empresas (especialmente, das pequenas empresas, que podem ser a salvação de muitos desempregados);
- Criar Centros de Saúde virados para a população mais idosa. Temos muitos 'velhotes' e poucos locais adequados para tratar deles.
Claro que existem outras ideias, mas ficam aqui aqueles que me lembro de imediato.
Faltou a pergunta....
e quanto ganham os que pagam ao Cristiano Ronaldo com o seu trabalho???? Milhões com certeza, senão não pagarariam o que pagam. Cristiano recebe apenas a percentagem daquilo que dá a ganhar. Falou-se do ordenado modesto do Eusébio e que assim é que era, pobres ignorante voces estão apenas a sustentar quem explorou um jogador mais do que excelente, explorou sim porque com certeza que ganharam muito mas muito mais do que pagaram ao Eusébio.
Sem ser capitalismos selvagens nem parvoíces dessas, uma coisa é certa, se sou o melhor e dou a ganhar milhões, eu quero também parte desses milhões.
E não nos esqueçamos outra coisa, Cristiano para receber milhões foi lá para fora porque aqui, se calhar, quereriam te-lo pelo ordenado do Eusébio... E se há muitos desempregados isso sim é devido aos ordenados dos nossos incompetentes ministros e gestores que levam alegremente este país á banca rota. Para fazer porcaria como eles fazem não é preciso ser génio nem único como o Cristiano é.
A única coisa que se espera de Cristiano Ronaldo faça com o ordenado que tem e merece é que tenha uma vida digna ... como o Figo por exemplo.
Este Mundo é feito de contrastes...
Nada tenho a dizer sobre a categotia futebolística de Cristiano Ronaldo, de KáKá, Ronaldinho, Messi e outros artistas da bola...

Tem vida profissional curta é verdade e se souberem aproveitar o que agora ganham nunca mais serão pobres.

A única crítica que faço a quem paga ordenados tão elevados é a de que a maior parte dos habitantes do globo que não são artistas mas são seres humanos sobrevivem na miséria, morrem à fome, tem doenças incuráveis não tratadas, desconhecem quanto ganham os artistas e só pedem aos céus que o dia a dia de sofrimento não acabe...

A Cristiano Ronaldo desejo muitas felicidades e que continue bom rapaz como até agora...
Jà nada nos espanta neste Paìs
De méritos esta o céu cheio,até me estou a lembrar de alguns médicos que vão por este mundo fora salvar muitas vidas e nem uma migalha desse pão ou mérito terão.Por mim e apenas minha pessoal opinião são apenas tretas para justificar tal elevado salário que no fundo sabemos o quanto levaria muitos méritos e anos,que andam por fora ganhar tal.Serão talvez os mesmos méritos que nos levam a calar,quando alguns ja cheios deles,ainda levam mais uns milhões para casa de indeminizações e não se consegue enviar doentes terminais com míseros euros morrer em paz em casa.
Re: O que se pode fazer com 800 mil euros?
800 mil euros por mês???????? Daqui a uns anos o que é que os jogadores vão ganhar? Milhões por mês? É só futebol, ou seja, um desporto de divertimento de fim de semana! Muitas camisolas vão ser vendidas no Manchester (70 euros cada uma a multiplicar por milhares)! É pena que só jogue bem neste clube, porque na Seleção contra a Itália foi uma desgraça e uma razia completa! Platini tem razão quando diz que el vai ter de provar que é o melhor jogador no Europeu! Foi nestas competições que ficaram conhecidos o Maradona, o Paulo Rossi, o Michel Platini, Cruiff, Bechenbauer, Zidane, etc. por aquilo que lá fizeram e jogaram! Mas principalmente Maradona, que jogou e maravilhou em dois mundiais seguidos! Cristiano Ronaldo não lhe chega nem ás plantas dos pés!
Re: O que se pode fazer com 800 mil euros?
O mundo é feito de contrastes...
... e nada se pode fazer para o alterar?!...
Mama mia, pois não há contrastes nenhuns, que assertividade categórica.
Será que só haverá trastes?...
Re: O mundo é feito de contrastes...
Comentários 18 Comentar

Últimas


Edição Diária 17.Abr.2014

Leia no seu telemóvel, tablet e computador
PUBLICIDADE

Pub