18 de abril de 2014 às 20:05
Página Inicial  ⁄  Economia  ⁄  Novos cálculos congelam pensões a partir de 2012

Novos cálculos congelam pensões a partir de 2012

Pensionistas que acumulam subsídios superiores a 246 euros vão ficar com as reformas congeladas no próximo ano.

O Governo terá novos cálculos de atualização dos primeiros três escalões de pensões mínimas já em 2012.

Quem receber mais de 246 euros mensais em pensões ficará sem qualquer aumento, assim como será abrangido pelo corte gradual dos subsídios de férias e de Natal.

Esta medida está incluída no memorando de entendimento do Governo assinado com a troika.

 

Comentários 99 Comentar
ordenar por:
mais votados ▼
Novos calculos congelam pensões a partir de 2012
Este pensamento não é de agora, mas já vem de longe. Em tempos que já lá vão nem reformas havia e os velhos morriam com falta de assistência e a família lá ia fazendo o que podia e na maior parte dos casos, podia fazer muito pouco porque nada tinha. Contava-se ainda aquela história em que os velhos eram levados para o monte e abandonados, tendo como companhia uma manta. Até que um dia um velho ao ser transportado para o monte pelo filho, lhe pediu que lhe emprestasse um canivete para cortar a manta ao meio, pois o filho dele podia nem manta lhe deixar. Este aprendeu a lição e voltou com o pai para casa.
Re: Novos calculos congelam pensões a partir de 20 Ver comentário
O meu caro sofre de partidarite. O que levou o Ver comentário
Re: O meu caro sofre de partidarite. O que levou o Ver comentário
Re: O meu caro sofre de partidarite. O que levou o Ver comentário
Re: Novos calculos congelam pensões a partir de 20 Ver comentário
Re: Novos calculos congelam pensões a partir de 20 Ver comentário
Re: Novos calculos congelam pensões a partir de 20 Ver comentário
Re: Novos calculos congelam pensões a partir de 20 Ver comentário
Re: Novos calculos congelam pensões a partir de 20 Ver comentário
Re: Novos calculos congelam pensões a partir de 20 Ver comentário
Re: Novos calculos congelam pensões a partir de 20 Ver comentário
Re: Novos calculos congelam pensões a partir de 20 Ver comentário
Re: Novos calculos congelam pensões a partir de 20 Ver comentário
Re: Novos calculos congelam pensões a partir de 20 Ver comentário
Re: Novos calculos congelam pensões a partir de 20 Ver comentário
Re: Novos calculos congelam pensões a partir de 20 Ver comentário
Re: Novos calculos congelam pensões a partir de 20 Ver comentário
Re: Novos calculos congelam pensões a partir de 20 Ver comentário
Re: Novos calculos congelam pensões a partir de 20 Ver comentário
Re: Novos calculos congelam pensões a partir de 20 Ver comentário
Re: Novos calculos congelam pensões a partir de 20 Ver comentário
Re: Novos calculos congelam pensões a partir de 20 Ver comentário
Re: Novos calculos congelam pensões a partir de 20 Ver comentário
Refere-se a Cabo Verde? Ver comentário
Re: Refere-se a Cabo Verde? Ver comentário
Re: Novos calculos congelam pensões a partir de 20 Ver comentário
Re: Novos calculos congelam pensões a partir de 20 Ver comentário
Re: Novos calculos congelam pensões a partir de 20 Ver comentário
Re: Novos calculos congelam pensões a partir de 20 Ver comentário
Re: Novos calculos congelam pensões a partir de 20 Ver comentário
Re: Novos calculos congelam pensões a partir de 20 Ver comentário
Re: Novos calculos congelam pensões a partir de 20 Ver comentário
Re: Novos calculos congelam pensões a partir de 20 Ver comentário
Re: Novos calculos congelam pensões a partir de 20 Ver comentário
Re: Novos calculos congelam pensões a partir de 20 Ver comentário
Re: Novos calculos congelam pensões a partir de 20 Ver comentário
Re: Novos calculos congelam pensões a partir de 20 Ver comentário
Re: Novos calculos congelam pensões a partir de 20 Ver comentário
Re: Novos calculos congelam pensões a partir de 20 Ver comentário
Re: Novos calculos congelam pensões a partir de 20 Ver comentário
Re: Novos calculos congelam pensões a partir de 20 Ver comentário
Re: Novos calculos congelam pensões a partir de 20 Ver comentário
Re: Novos calculos congelam pensões a partir de 20 Ver comentário
Re: Novos calculos congelam pensões a partir de 20 Ver comentário
ALGUÉM DAQUI TEM UMA SOLUÇÃO ALTERNATIVA? Ver comentário
Governo de robôs
Esta medida, assim como outras que já foram implementadas e as que o serão em cada dia que passa, só pode ter sido tomada por figuras robotizadas e portanto sem alma e coração. Só deste modo estes indivíduos que nos governam poderão dormir bem. Foram programados pelos seus donos (também robôs, mas super-robôs) para conseguirem ignorar que estão/vão causar ainda mais miséria do que já há, além de doenças e mortes. Se é que, como dizem muitos, existe inferno após a morte, é para lá que irão estes robôs, embora entretanto vão "existindo", com os seus ares emproados e hipócritas, e desfrutando dos bens materiais inerentes às funções de robôs governantes com que foram programados.

Disse e confirmo: não estamos a ser governados por seres humanos mas sim por androides.
Passos Coelho
nas suas comunicações de "verdade" já tinha dito:

http://goo.gl/kqV1d

Farto de canalhas passei o Natal bem longe...
Hoje assisti em Zagreb no teatro nacional da Croacia completamente cheio na praça marechal Tito ao ballet "Orasar scelkuncik"dirigido por Miroslav Salopek, para crianças o qual me deslumbrou pela beleza e transmissão de valores a todos os jovens. Havia uma enorme arvore de Natal rodeada com muitas prendas. Mas havia uma especial, que era simplesmente um boneco. Ao longo do bailado de grande beleza onde os participantes foram mostrando a diferença entre as pessoas de bem que respeitavam todas as crenças e os outros representados por ratos. Depois de algumas lutas os ratos juntamente com o seu rei foram vencidos pela figura daquela prenda de Natal especial que agora aparecia em carne e osso. E agora sim os bailarinos podiam dançar sem constrangimentos, livres e felizes, juntamente com danças provenientes de vários países e religiões. No final, brio a apoteose, com o aparecimento de uma criança a acordar com a oferta do tal boneco da principal prenda de Natal que no inicio fiz referencia. Que bela mensagem de convivência cívica dada as crianças em Zabreb nas vésperas de Natal. Uma nota. Fui repreendido por ter tirado uma foto durante o espectáculo, porque queria ficar com uma recordação daquele belo momento...
Esses gajos.... Ver comentário
Ângelo Correia o guru de Passos Coelho
A hipocrisia dos políticos:

http://goo.gl/Eog11
Esta notícia é confusa
O texto fala em acumulação de subsídios superiores a 246€, a depois refere esse valor como o da pensão. Que grande confusão.
A susentabilidade da Segurança Social
é problemática, mas o actual governo não é bem isso que o preocupa.
Para o governo, a susentabilidade da SS publica não existe e mesmo que exista não compensa.
Há que dar lugar à SS privada ou sejam aos seguros e seguradoras, que esperam sedentas por mais este filão de rendimentos.
A SS publica ficará para os mais pobres, para os muito pobres e a transição publico-privado tem que ser posta em marcha.
O que nos resta saber é se tal como na saúde , o sector privado consegue fazer pelo mesmo dinheiro pelo menos igual ao sector publico e atender a todas as situações.
esticar a idade de reforma
Os tempos são outros, existem pessoas que trabalharam 30 anos e estão na reforma à 40, e muitos para lá caminham e até pra mais.
A longevidade apesar de boa noticia traz novas exigências de adaptação.

Nas bocas de insatisfeitos já ouvi que o melhor era meter todos os idosos num saco e atirá-los ao rio. Apesar de absurda a ideia a verdade, a verdade é que feitas as contas dá em solução.

Não digo com isto que se deva colocar em prática, mas já fazia sentido esticar a idade de reforma.

Re: esticar a idade de reforma Ver comentário
Re: esticar a idade de reforma Ver comentário
Re: esticar a idade de reforma Ver comentário
ó seu idiota Ver comentário
LOLOLOL Ver comentário
Re: LOLOLOL Ver comentário
Re: LOLOLOL Ver comentário
Re: LOLOLOL Ver comentário
... Ver comentário
Re: ... Ver comentário
Re: ... Ver comentário
Re: LOLOLOL Ver comentário
Re: LOLOLOL Ver comentário
Re: esticar a idade de reforma Ver comentário
Mais uma vez enganados.
Após uma vida de descontos e depois de ser engando muitas vezes vão congelar a esmola das pensões.
Olé!!!
Nós, na Hispânia, não só não congelamos as reformas como ainda as vamos aumentar em 2012.
Vocês gostam de malhar nos velhinhos...
Y Viva España!
Reformas..
Trabalhar + e por decreto, Reformar + tarde e Também por decreto, nada resolve e apenas cria pesos mortos nas empresas porque a partir de determinadas alturas o desanimo e a desmotivação leva a que a produtividade baixe.
Era mais produtivo cada um puder escolher aós 40 anos de descontos ficar ou reformar-se quer tivesse 55 ou 67 dava lugar a outros e ainda alguns podiam fazer algo de util com gosto,tal como está e querem não aumenta a produtividade e desmotiva as pessoas.
Uma política violenta a todos os níveis
Os portugueses são tão tolerantes que a atual classe política vê na presente conjuntura uma oportunidade única para levar a cabo uma agenda antiga que ainda ninguém tivera a audácia de querer implementar desde Abril de 1974.
NOTÍCIA EXPECULATIVA E FALACIOSA!
Porque refere a notícia "novos cálculos" e depois afirma " a medida estava prevista no memorando da troika"?? Afinal em que ficamos??

Vale a pena referir que o ministro da lambreta disse, há dias que as pensões mínimas vão ser actualizadas em 2012, acima da inflacção.

Só é pena que o governo, que tem tanto despudor em atacar quem trabalha, não acaba com os regabofes das reformas milionárias e acumuladas!
Acabar com as vários reformas do "tio" cavaco e milhares de casos como ele! Acabar (retroactivamente) com as subvenções vitalícias de ex-políticos! Isso sim era um governo com "eles" no sítio!!
Re: NOTÍCIA EXPECULATIVA E FALACIOSA! Ver comentário
Comentadores da treta
Parece que muitos portugueses ainda não se compenetraram de que vai haver sacrifícios e eles abrangem a generalidade das pessoas.•
Tal facto deve-se às governações a partir de 1995 que provocaram um aumente excessivo nos gastos do Estado e levou a um endividamento externo insustentável.•
E tão insustentável que teve o Governo anterior a recorrer ao auxílio externo.•
Daí resultou um acordo de entendimento, subscrito pelos 3 maiores partidos, para continuar a haver financiamento do Estado.•
O contrário seria a bancarrota o que provocaria por exemplo a falta de dinheiro para pagar as pensões dos reformados, os subsídios de desemprego, de doença e outros benefícios sociais, os salários da função pública, professores, médicos, enfermeiros incluídos.•
Faltaria igualmente dinheiro para o financiamento das famílias e das empresas com as consequências desastrosas que se podem imaginar.•
Por isso, como não há milagres, são os portugueses que têm mesmo de sofrer as consequências e esperar que tudo se resolva o mais rapidamente possível.
Deste modo, reclamar contra isso, não é consequente e os partidos que arranjam outras soluções milagrosas não têm qualquer credibilidade.•

Portanto é assim:

É melhor fazermos sacrifícios mas receber os nossos rendimentos de pensões ou salários ao fim do mês do que não ter nada para receber.

Habituem-se !
Re: Comentadores da treta Ver comentário
Re: Comentadores da treta Ver comentário
Re: Comentadores da treta Ver comentário
Re: Comentadores da treta Ver comentário
Re: Comentadores da treta Ver comentário
Re: Um comentador da treta ... Ver comentário
Isto é para quem pode!
Toni,
E o que vai acontecer a esta senhora sobre a qual deixou aqui, há dias, esta informação:

"CUSTA ACREDITAR!

Sabiam que a nossa Presidente da Assembleia da República é reformada?

Assunção Esteves, a actual Presidente da Assembleia da República
reformou-se aos...*42 anos*, com a pensão mensal (14 vezes ano) de
2.315,51.

Diário da República de 30/07/1998 para vossa informação.

Para que saibam ainda, a Senhora Assunção Esteves recebe ainda de
vencimento mensal (14 vezes anos) € 5.799,05 e de ajudas de custas mensal
(14 vezes ano) € 2.370,07.

Aufere, portanto, a quantia anual de €146.784,82. Ou seja, recebe do
erário público, a remuneração média mensal
de € 12.232,07 (Doze mil, duzentos e trinta e dois euros, sete cêntimos).

Relembramos que também tem direito a uma viatura oficial BMW a tempo
inteiro."

E ainda há bestas cegas, que não veem que o Sócrates, fez tudo, até ao último momento, para evitar que a tróica cá entrasse. Mas os que o obrigaram já estão arrependidos. Chamavam-lhe caixeiro viajante e agora estão a aproveitar dos caminhos que ele desbravou.
Com gente desta como é que este país pode melhorar? Ainda hão de comer o pão que o diabo amassou.
Re: Isto é para quem pode! Ver comentário
PUBLICIDADE
Expresso nas Redes
Pub