Siga-nos

Perfil

Expresso

Vídeo

Momentos inovadores, quebras de protocolo, os beijos de Juncker, as lágrimas de Barroso

  • 333

Dormiu em casa dos pais e chegou a pé ao Parlamento - acenou a quem ia no autocarro, foram acenados por Marcelo os que seguiam lá dentro. Uma vez no Parlamento, foi beijado por Juncker (é já uma tradição, depois dos ósculos do dia anterior), aplaudido de pé por PS, PSD e CDS mas nem tanto por PCP, Bloco e Os Verdes. O dia de Marcelo teve os afetos que ele proclama, a emoção do amigo de infância que o viu Presidente há mais de cinco décadas, os desvios protocolares de quem anuncia uma presidência diferente e uma troca simbólica de posições com Cavaco - que foi aplaudido pelos funcionários do Palácio de Belém

SIC Notícias