Siga-nos

Perfil

Expresso

Vídeo

PS rejeita acusações na substituição do presidente do CCB

  • 333

O PS rejeita as acusações de tentativa de controlo da máquina do Estado, com a nomeação para o CCB e sublinha que o que houve foi uma "desadequação da estratégia", em relação aos planos, quer Ministério da Cultura, quer da Câmara Municipal de Lisboa. A oposição acusa o o governo socialista de agir "como se fosse dono disto tudo". São as reações à demissão de António Lamas da presidência do Centro Cultural de Belém. A exoneração foi decidida pelo ministro da Cultura João Soares, que nomeou Elísio Summavielle para o cargo.