Siga-nos

Perfil

Expresso

Meteo

Voz de Teresa Salgueiro encanta noite fria de Ponte de Lima

  • 333

Fique a saber quais são as condições atmosféricas previstas para este fim de semana

Carlos Paes

Carlos Paes

Infografia

O Teatro Diogo Bernardes, em Ponte de Lima, receberá no sábado a voz característica de Teresa Salgueiro, acompanhada por Rui Lobato na bateria, percussão e guitarra, Óscar Torres no contrabaixo, Graciano Caldeira na guitarra e Marlon Valente no acordeão. Aponte para as 22h o início do espetáculo.

Teresa Salgueiro é, sem dúvida, uma figura artística ímpar no nosso país e, desde há quase três décadas, constitui uma imagem emblemática de Portugal no mundo.

No início de 2016, prepara-se para lançar um novo álbum em Portugal: “Horizonte”

O seu percurso na música inicia-se em 1986 quando, com apenas 17 anos, é convidada para integrar a fundação do grupo Madredeus, com os quais permanece por 20 anos, gravando nove discos de música original, criada especificamente para a sua voz. Cantando esse vastíssimo leque de canções, apresentou-se com o grupo nas mais prestigiadas salas de espetáculos do mundo. Uma aventura única da história da música portuguesa.

Em 2007, dedica-se a gravar e a interpretar ao vivo repertório de vários países em diversos idiomas e estilos musicais, provando a sua extraordinária versatilidade como intérprete. Neste período inclui-se a sua primeira produção - Matriz -um álbum que presta homenagem, através de uma recolha criteriosa do património Cultural Português, à riqueza, variedade e antiguidade da música e poesia portuguesas,

Em 2011 grava o disco no qual assume a produção, bem como a direção musical e a escrita das letras. Com "O Mistério", Teresa prossegue a sua ininterrupta viagem à volta do mundo, tocando nas mais importantes salas, para plateias que acorrem com entusiasmo e curiosidade ao reencontro com esta voz que escutam com paixão há tantos anos. De Espanha a Macau, da Itália a Taiwan, passando por Suécia, Brasil, México, Tailândia, Bélgica, Polónia, Sérvia, Eslovénia, Suíça, Luxemburgo ou Noruega, a digressão de "O Mistério" encheu salas e corações de igual modo.

2016 será o ano da sua segunda produção enquanto autora. "O Horizonte" servirá de base para um espetáculo que reúne todas as facetas desta singular artista.

Desde a interpretação de arranjos originais para temas da tradição portuguesa, bem como a inclusão de temas do seu primeiro disco autoral, e não esquecendo a homenagem ao seu antigo grupo Madredeus, Teresa Salgueiro desenha-nos um roteiro por um elaborado, delicado e profundo tecido de emoções em que nos demonstra, sem sombra de dúvida, a sua reputação de criadora de ambientes mágicos de uma beleza indiscutível (fonte: www.viralagenda.com).