Siga-nos

Perfil

Expresso

Multimédia

“Cada vez que encerram uma escola ou um tribunal, o Estado está a passar às populações que se foi embora”

Miguel Sousa Tavares defendeu que deve haver “um olhar geral do Governo quando encerra serviços”. No habitual espaço de comentário na SIC, sublinhou que o país “não pode ser pensado no imediato” e que antes de se fechar serviços, é preciso medir “quais as consequências para as populações”