Siga-nos

Perfil

Expresso

Multimédia

Ministro diz que nada está decidido sobre condições de recurso para prestações sociais

Vieira da Silva disse este domingo que nada está ainda decidido no que respeita às condições de recurso para alguns prestações sociais que já existem. O ministro do Trabalho e da Segurança Social refere que o que vai ser feito é uma reavaliação das condições de recurso, nos casos onde é aplicada. Para Vieira da Silva não há desentendimentos entre o Governo e os partidos que o apoiam

  • BE desmente que esteja disponível para negociar pensões

    Em declarações à SIC, Mariana Mortágua garante que não há qualquer margem para introduzir a condição de recursos nas pensões futuras ou a pagamento. Num tom duro, a deputada do Bloco avisa que só aceita mexer nos critérios para melhorar o acesso ao complemento solidário para idosos

  • Governo, PCP 
e BE aceitam rever pensões futuras

    Discussão da condição de recursos vai mesmo avançar em 2017, mas esquerda impõe novos critérios. Carlos César avisa que “este OE está mais perto da versão final”. Marcelo já pensa que o OE mais difícil 
é o de 2018. Carga fiscal baixa mas continua acima da de 2011