Siga-nos

Perfil

Legislativas 2015

Legislativas 2015

Costa. “Gigantesca maioria” que quer derrotar o Governo tem de votar no PS

  • 333

Rui Duarte Silva

A falar baixinho (perdeu a voz durante o dia), o líder socialista disse que a única “forma eficaz” para “mudar de política” é “com o voto no PS”

O secretário-geral do PS, António Costa, disse esta sexta-feira que a "gigantesca maioria" dos portugueses que quer derrotar o Governo PSD/CDS-PP tem de votar nos socialistas e não perder esta "oportunidade".

"Só há uma forma eficaz" de garantir o afastamento de PSD e CDS-PP do executivo: "com o voto no PS, pois só o PS pode derrotar o Governo e pode mudar de política", realçou Costa em Almada, no comício de encerramento da campanha eleitoral do PS.

"As sondagens confirmam que há gigantesca maioria de portugueses que tem uma vontade muito clara para o próximo domingo: acabar com este governo e pôr fim à sua política", advogou o socialista, reiterando o apelo ao voto no seu partido para cumprir o que a "esmagadora maioria do povo quer", uma nova governação e um novo caminho político.

Rui Duarte Silva

Antes da intervenção do líder socialista - que começou a falar cerca das 21:25 - passou no ecrã gigante montado em Almada um vídeo com momentos das duas semanas oficiais da campanha eleitoral socialista.

No arranque, António Costa anunciou que ia falar baixo para ver se chegava ao fim da sua intervenção, depois de à hora de almoço ter sido obrigado a interromper as suas palavras devido à sua rouquidão evidente neste final de campanha.

O líder do PS agradeceu a entrega ao longo das duas semanas aos militantes do PS, que "contra ventos e marés, levando pancada de todos os lados, se mobilizaram com notável energia", e saudou também a sua família - mulher e filhos - por terem sido "incansáveis no carinho, companhia e energia" por estes dias.