12
Anterior
Escutas de Armando Vara ouvidas hoje em Aveiro
Seguinte
Paulo Penedos continua com bens embargados
Página Inicial   >  Dossiês  >  Dossies Atualidade  >  Face Oculta  >   Julgamento do Face Oculta recomeça

Julgamento do Face Oculta recomeça

Julgamento do processo Face Oculta será retomado quinta-feira no juízo criminal de Aveiro da Comarca do Baixo Vouga, antes de terminar o prazo de 30 dias entre sessões que implicava a anulação de toda a prova já produzida. Clique para visitar o Dossiê Face Oculta
Lusa |
Paulo Penedos a ser ouvido na Comissão de Ética na Assembleia da República
Paulo Penedos a ser ouvido na Comissão de Ética na Assembleia da República / Alberto Frias

Recomeça amanhã o julgamento do processo Face Oculta, com três sessões semanais, em vez de quatro, como aconteceu até agora devido ao estado de saúde da juíza Liliana Carvalho. Nesta audiência, o tribunal continuará a ouvir Rui Carvalho, o inspetor da Polícia Judiciária que foi responsável pela investigação do caso e que começou a ser interrogado pelo procurador do Ministério Público Marques Vidal no dia 25 de novembro.

Clique para aceder ao índice do Dossiê Face Oculta

O caso Face Oculta está relacionado com uma alegada rede de corrupção que tinha como objetivo o favorecimento de um grupo empresarial de Ovar ligado ao ramo das sucatas nos negócios com empresas do setor empresarial do Estado e privadas.

O julgamento esteve suspenso três semanas devido à doença da juíza Liliana Carvalho e foi retomado a 21 de dezembro para não deixar passar mais de 30 dias sem produção de prova. No entanto, imediatamente a seguir, começaram as férias judiciais da quadra do Natal, que se prolongaram até 3 de janeiro, e só no dia 19 é que o julgamento regressou ao juízo criminal de Aveiro para a 13.ª sessão.

Quatro arguidos foram já ouvidos


No banco dos réus estão sentados 36 arguidos (34 pessoas e duas empresas) que respondem por centenas de crimes de burla, branqueamento de capitais, corrupção e tráfico de influências.

Desde o passado dia 08 de novembro, quando começou o julgamento, o tribunal já ouviu quatro arguidos, designadamente o antigo ministro e ex-vice presidente do BCP, Armando Vara, o ex-presidente da REN (Redes Energéticas Nacionais) José Penedos, o  ex-quadro da Galp António Paulo Costa e o administrador da IDD - Indústria de Desmilitarização e Defesa José António Contradanças.

Dos seis arguidos que manifestaram intenção de prestar declarações nesta fase do processo, falta ainda ouvir o gestor Lopes Barreira, que está a aguardar autorização do hospital de Aveiro para fazer, nesta unidade, o tratamento de hemodiálise a que é  sujeito três vezes por semana.

Está ainda por concluir o depoimento do arguido Paulo Penedos, que foi interrompido no dia 18 de novembro.

Segundo o o juiz-presidente da Comarca do Baixo Vouga, Paulo Brandão, a juíza Liliana Carvalho, que se encontra a recuperar da intervenção cirúrgica a que foi submetida, ainda não está totalmente restabelecida e tem de ir duas vezes por semana ao hospital de Vila Real para tratamento médico". 

Logo que seja possível, adiantou o magistrado, serão retomadas as quatro sessões semanais, que estavam programadas anteriormente, e, eventualmente, o coletivo de juízes pode aumentar para cinco, para recuperar o tempo perdido.


Opinião


Multimédia

Cheesecake com manjericão e doce de tomate

Especialista em pratos de confeção acessível, com ingredientes ao alcance de qualquer pessoa, Tiger escolheu a gastronomia como forma de estar na vida. Veja, confecione, desfrute e impressione.

Voámos num F-16

Um piloto da Força Aérea voou com uma câmara GoPro do Expresso e temos imagens inéditas e exclusivas para lhe mostrar num trabalho multimédia.

Salada de salmão com sorvete de manga

Especialista em pratos de confeção acessível, com ingredientes ao alcance de qualquer pessoa, Tiger escolheu a gastronomia como forma de estar na vida. Veja, confecione, desfrute e impressione.

Por faróis nunca dantes navegados

São a salvaguarda dos navegantes, a luz que tranquiliza o mar. Há 48 faróis em Portugal continental e nas ilhas. Este é um acontecimento único: todos os faróis e 1830 km de costa disponíveis num mesmo trabalho. Para entendê-los e vê-los, basta navegar neste artigo.

Parecem casulos onde gente hiberna à espera de ver terra

No Porto de Manaus não há barcos, mas autocarros bíblicos que caminham sobre água. Têm vários andares e estão cheios de camas de rede que parecem casulos onde homens, mulheres e crianças aguardam o destino. E há gente a vender o que houver e tiver de ser junto ao Porto. "Como há Copa, tem por aí muito gringo que vem ter com 'nóis'. E então fica mais fácil vender"

O adeus de Lobo Antunes às aulas de medicina

O neurocirurgião deu terça-feira a sua "Última Lição" no auditório do Instituto de Medicina Molecular da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, na véspera de deixar o seu trabalho no serviço nacional de saúde.

Jaguar volta a fabricar desportivo dos anos 60

Até ao verão será fabricado um número limitado de desportivos Jaguar E-Type Lightweight, seguindo todas as especificações originais, incluindo a continuação do número de série das unidades produzidas em 1963.

"Naquela altura estavam continuamente a acontecer primeiras coisas"

Mais do que uma manifestação, o 'primeiro' 1º de Maio é recordado como a grande festa da Revolução dos Cravos, quando o povo saiu às ruas em massa e a união das esquerdas era um sonho possível. "O 1º de Maio seria mais uma primeira coisa, porque naquela altura estavam continuamente a acontecer primeiras coisas." Foi há 40 anos.

Este trabalho não foi visado por qualquer comissão de censura

Aquilo que hoje é uma expressão anacrónica estava em relevo na primeira página do "República", a 25 de Abril de 1974: "Este jornal não foi visado por qualquer comissão de censura". Quarenta anos depois da Revolução, veja os jornais, ouça os sons e compreenda como decorreu o "dia inicial inteiro e limpo", como lhe chamou Sophia. O Expresso falou ainda com cinco gerações de 40 anos e percorreu a "geografia" das Ruas 25 de Abril de todo o país, falando com quem lá mora. Veja a reportagem multimédia.


Comentários 12 Comentar
ordenar por:
mais votados
Lá voltam os amigos de Sócrates
Nunca mais saiem da mesa.
Julgamento do Face Oculta recomeça
Como diria Catroga, andam por aí muito interessados nos pentelhos e na verdade aquilo que interessa verdadeiramente nem uma palavra. A Face Oculta já teve mais noticias que o BPN, que esse sim não se compreende a razão porque nenhum jornalista não pega nele a sério. Por este andar até parece que o fazem de propósito, tal como acontece com o navio que ao estar a ser atacado, para não saberem a sua posição, fazia cortinas de fumo a fim de não ser alvejado. Este vai ser mais um caso que vai morrer na praia, como tem acontecido a outros.

http://www.youtube.com/wa...
Vara, o lacaio de Sócrates
Re: Vara, o lacaio de Sócrates
Re: Vara, o lacaio de Sócrates
Re: Vara, o lacaio de Sócrates
Re: Julgamento do Face Oculta recomeça
toni é uma equipa de "varios do "largo do rato"
Re: toni é uma equipa de
Re: toni é uma equipa de
Re: Julgamento do Face Oculta recomeça
Re: Julgamento do Face Oculta recomeça
Comentários 12 Comentar

Últimas

Ver mais

Edição Diária 17.Abr.2014

Leia no seu telemóvel, tablet e computador
PUBLICIDADE

Pub