6
Anterior
Síria: 12 mortos em confrontos entre rebeldes e regime
Seguinte
Grupo de Murdoch anuncia reestruturação na Austrália
Página Inicial   >  Atualidade / Arquivo   >   Johnny Depp e Vanessa Paradis separam-se

Johnny Depp e Vanessa Paradis separam-se

Ao fim de uma relação de 14 anos, de que resultaram 2 filhos, Johnny Depp anunciou a "separação amigável". 
|
Johnny Depp e Vanessa Paradis separam-se

"Johnny Depp e Vanessa Paradis separaram-se amigavelmente. Por favor respeitem a sua privacidade e, o mais importante, a privacidade dos seus filhos", refere uma declaração do relações públicas do ator.

O anúncio surge após, em Maio, Depp ter negado os rumores de que a relação estaria prestes a desabar.

Depp, de 49 anos, começou a relação com Paradis, de 39, em 1998, após ter terminado o seu envolvimento com a super modelo Kate Moss. O ator norte-americano e a atriz e cantora francesa conheceram-se na altura das rodagens do filme "A Nona Porta", de Roman Polanski.

O casal tem dois filhos, uma rapariga de 13 anos e um rapaz de 9. Têm duas casas, uma em France, Los Angeles, e outra numa ilha privada das Caraíbas.

Nunca chegaram a casar-se. Depp fora casado entre 1983 e 1985 com Lori Anne Allison e no início dos anos 1990 teve uma relação com a atriz Winona Ryder, que tem contracenado com ele em diversos filmes de Tim Burton.


Opinião


Multimédia

Cheesecake com manjericão e doce de tomate

Especialista em pratos de confeção acessível, com ingredientes ao alcance de qualquer pessoa, Tiger escolheu a gastronomia como forma de estar na vida. Veja, confecione, desfrute e impressione.

Voámos num F-16

Um piloto da Força Aérea voou com uma câmara GoPro do Expresso e temos imagens inéditas e exclusivas para lhe mostrar num trabalho multimédia.

Salada de salmão com sorvete de manga

Especialista em pratos de confeção acessível, com ingredientes ao alcance de qualquer pessoa, Tiger escolheu a gastronomia como forma de estar na vida. Veja, confecione, desfrute e impressione.

Por faróis nunca dantes navegados

São a salvaguarda dos navegantes, a luz que tranquiliza o mar. Há 48 faróis em Portugal continental e nas ilhas. Este é um acontecimento único: todos os faróis e 1830 km de costa disponíveis num mesmo trabalho. Para entendê-los e vê-los, basta navegar neste artigo.

Parecem casulos onde gente hiberna à espera de ver terra

No Porto de Manaus não há barcos, mas autocarros bíblicos que caminham sobre água. Têm vários andares e estão cheios de camas de rede que parecem casulos onde homens, mulheres e crianças aguardam o destino. E há gente a vender o que houver e tiver de ser junto ao Porto. "Como há Copa, tem por aí muito gringo que vem ter com 'nóis'. E então fica mais fácil vender"

O adeus de Lobo Antunes às aulas de medicina

O neurocirurgião deu terça-feira a sua "Última Lição" no auditório do Instituto de Medicina Molecular da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, na véspera de deixar o seu trabalho no serviço nacional de saúde.

Jaguar volta a fabricar desportivo dos anos 60

Até ao verão será fabricado um número limitado de desportivos Jaguar E-Type Lightweight, seguindo todas as especificações originais, incluindo a continuação do número de série das unidades produzidas em 1963.

"Naquela altura estavam continuamente a acontecer primeiras coisas"

Mais do que uma manifestação, o 'primeiro' 1º de Maio é recordado como a grande festa da Revolução dos Cravos, quando o povo saiu às ruas em massa e a união das esquerdas era um sonho possível. "O 1º de Maio seria mais uma primeira coisa, porque naquela altura estavam continuamente a acontecer primeiras coisas." Foi há 40 anos.

Este trabalho não foi visado por qualquer comissão de censura

Aquilo que hoje é uma expressão anacrónica estava em relevo na primeira página do "República", a 25 de Abril de 1974: "Este jornal não foi visado por qualquer comissão de censura". Quarenta anos depois da Revolução, veja os jornais, ouça os sons e compreenda como decorreu o "dia inicial inteiro e limpo", como lhe chamou Sophia. O Expresso falou ainda com cinco gerações de 40 anos e percorreu a "geografia" das Ruas 25 de Abril de todo o país, falando com quem lá mora. Veja a reportagem multimédia.


Comentários 6 Comentar
ordenar por:
mais votados
Francamente!!!
O jornal da sarjeta vem anunciar-nos que o não sei quê separou-se da não sei que mais.
Francamente. Mirem-se ao espelho e se ainda se consideram jornalistas... Bem então nãqo sabem mesmo o que é isso.
Re: Francamente!!!
o que é que eu tenho a ver com isso?
Já não há paciência para este culto da idolatria e da futilidade.
O que dá em tirar o "homem" da equação!
Esta é notícia é-me bem mais interessante do que parece à primeira vista. Só por si, ela justifica-se: não obstante não ser do meu gosto, há quem goste deste tipo de notícias, leitores para quem palavras como separação, relação, separação amigável ou estrelas de cinema, são importantes. Mas ela também pode ser interessante para outros. "O que temos a haver com isso?" Talvez mais do que se pensa, se atendermos que Johnny Depp foi notícia política ultimamente.

Relembremos!

Há coisa de um mês, o Expresso teria citado Depp a dizer que saia de França e "voltei aos EUA porque queriam o meu dinheiro". Não li esta peça mas Henrique Raposo leu, e nos seus habituais spin-offs, lá a comentava com o título "Johnny Depp foge de Hollande", continuando com um "saiu de França, não quis esperar pela governação do novo Dalai Lama da esquerda socialista". Detalhes como a saída ter ocorrido antes de Novembro de 2011, meio ano antes de eleições nunca perdidas pelos presidentes recandidatos, ou que quem queria cobrar impostos a Depp era a França de Sarkozy, não parece ter demovido HR de fazer as suas habituais tiradas. Em vésperas de eleições Francesas, e talvez procurando influenciá-las, isso torna estas explorações das decisões de Depp, um (mini) facto político.

O que esta notícia revela é que o "divórcio" de Depp ia mais longe do que meras questões fiscais, pelos vistos. Depp sai de França e pouco tempo depois acaba-se uma relação de 14 anos com Paradis... coincidência? Não acho.
Contracenou com Vanessa Paradis em Nona Porta?
Não é o que diz o IMDB.... não me parece que terá sido nesse filme, ora vejam o elenco:

www.imdb.pt/title/tt0142688/fullcredits#cast
BEM...
ainda não compreendi como é que há gente com opinião tão negativa sobre certo jornal e que se dá ao trabalho de registar-se e ainda comentar nele... e este casal conheceu-se AQUANDO DAS FILMAGENS DA NONA PORTA, em França... também não me lembro de ter lido que contracenaram juntos nesse filme...li, e está muito bem, que "conheceram-se na altura das rodagens do filme "A Nona Porta". Fico com pena, pois eram um casal fabuloso.
Comentários 6 Comentar

Últimas

Ver mais

Edição Diária 17.Abr.2014

Leia no seu telemóvel, tablet e computador
PUBLICIDADE

Pub