Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Vinte sete sobreviventes chegaram ao porto de Catania

  • 333

Alessandro Bianchi/Reuters

Os escassos sobreviventes da traineira que naufragou domingo no Mediterrâneo foram transportados pela guarda costeira até ao porto de Catania, na Sicília.

Vinte e sete dos 28 sobreviventes do naufrágio de uma traineira ocorrido no domingo no Mar Mediterrâneo chegaram hoje ao porto de Catania, na Sicília, transportados pela guarda costeira italiana.

À chegada, ao início da noite, estavam os serviços de assistência e as autoridades italianas, com o objetivo de identificar os 27 sobreviventes, todos do sexo masculino.

Há um outro sobrevivente, oriundo do Bangladesh, que foi transportado no domingo, de helicóptero, para a Sicília.

De acordo com os media italianos, entre os sobreviventes poderá estar um dos traficantes que comandava a embarcação, que, segundo relatos dos sobreviventes, transportaria entre 700 a 950 pessoas.

O barco naufragou a 70 milhas da costa da Líbia, e entre os passageiros estavam alegadamente entre 40 e 50 crianças e cerca de 200 mulheres.

Atualmente, a guarda costeira italiana mantém o balanço em 28 sobreviventes e 24 vítimas mortais.