Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Rubio vê em si próprio "qualidades únicas". Por isso, entra na corrida à Casa Branca

  • 333

FOTO EPA

Depois da democrata e antiga primeira-dama Hillary Clinton, agora há movimentações entre os republicanos.

O senador de origem cubana Marco Rubio, um dos nomes mais falados nos últimos meses para disputar as primárias do partido republicano, confirmou esta segunda-feira que será candidato às eleições presidenciais nos Estados Unidos, em 2016.

Num encontro com os potenciais patrocinadores da campanha eleitoral, este representante da Florida em Washington, de 43 anos, disse que entrava na corrida à Casa Branca porque tinha "qualidade únicas" para representar o Partido Republicano, noticiou a agência Associated Press.

Segundo a mesma fonte, Rubio criticou ainda a anunciada candidatura de Hillary Clinton pelos democratas, classificando a antiga primeira-dama como uma líder do passado. Para Marco Rubio, em 2016 os eleitores terão de escolher entre o passado e o futuro.

"Esta nação precisa de uma liderança que entenda esta nova era e tenha ideias novas para esta nova época", disse numa entrevista televisiva a 30 de março, dia em que confirmou que sonhava suceder a Barack Obama.