Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Programação de computadores. Obama dá o exemplo

A estreia deu-se no âmbito do evento "Hora de Código" ("Hour of Code"), uma aula organizada de 60 minutos, à escala mundial, que pretende mostrar que qualquer um é capaz de aprender as bases de programação.

Mais de um ano depois de ter dito que todas as pessoas deviam aprender a programar computadores, o Presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, decidiu dar o exemplo.

A estreia deu-se no âmbito do evento "Hora de Código" ("Hour of Code"), que teve lugar esta segunda-feira, na Casa Branca, e contou com a participação de 20 alunos de várias escolas.

A "Hora de Código", iniciativa à escala mundial desenvolvida pela Code.org, organização sem fins lucrativos, trata-se de uma aula de 60 minutos que pode ter início num dos sete dias da Semana de Educação da Ciência da Computação, para aprender os princípios básicos de programação através de tutoriais online. A ideia é mostrar que qualquer um é capaz de aprender as bases.

Apesar de não ter completado o tutorial, Obama concluiu uma série de exercícios, disse à "Wired" Hadi Parvoti, cofundador da Code.org, que destacou o "cuidado excecional" do Presidente norte-americano ao lidar com as personagens de "Frozen", filme de animação (2013), num dos tutoriais disponíveis para aprendizagem.

Recorde-se que em setembro do ano passado, o Presidente norte-americano fez circular um vídeo no YouTube para promover a importância de aprender as competências de programação.

"Aprender a programar computadores é importante não apenas para o vosso futuro, como também para o futuro do nosso país. Se queremos a América na vanguarda, precisamos de jovens como tu, capazes de dominar as ferramentas e as tecnologias que vão mudar a forma como fazemos tudo", dizia o presidente.