Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Earhart dá nome a nova cratera encontrada na Lua

  • 333

Amelia Earhart desapareceu, em 1937, no Oceano Pacífico quando tentava dar a volta ao mundo no seu avião.

Getty Images

Foi descoberta esta segunda-feira uma nova cratera na Lua. Os cientistas vão chamar-lhe Earhart em memória da pioneira da aviação que tentava dar a volta ao mundo quando o seu avião desapareceu no Oceano Pacífico. 

Um grupo de cientistas descobriu esta segunda-feria uma cratera no lado da Lua que está voltado para a Terra. É a primeira descoberta deste género desde há cem anos. A cratera vai ser baptizada Earhart em homenagem à americana que, em 1937, ambicionava fazer a volta ao mundo no seu avião, acabando por desaparecer no meio do Oceano Pacífico.

A descoberta foi feita por Johan Sood, Loic Chappaz e H. Jay Melosh quando procuravam amostras de tubos de lavas para o projeto que estavam a desenvolver na Universidade de Purdue, no estado de Indiana, onde Amelia Earhart foi professora antes de ter desaparecido. 

Em entrevista à BBC, o professor Melosh explica que apesar de a cratera ser vísivel na superficie da Lua, está enterrada e só poderia ser detetada através de sinais de gravidade capturados durante a missão GRAIL, na qual estes três professores e cientistas participaram.

"Os nomes das crateras são escolhidos em homagem a cientistas e exploradores, e Amelia Earhart ainda não tinha recebido esta honra. Ela tentou voar à volta do mundo e merece isto por ter inspirado tantos exploradores e futuros astronautas", defende o mesmo cientista. 

O nome precisa agora de ser aprovado pelo União Astronómica Internacional, mas a equipa de cientistas está confiante de vir a obter uma resposta positiva.