Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Ciberjiadistas suspenderam as emissões da TV5Monde

  • 333

Benoit Tessier/Reuters

O ataque à rede televisiva francesa aconteceu na noite passada em nome do autodenominado Estado Islâmico (Daesh). Após terem estado suspensas durante três horas, as emissões do TV5Monde foram parcialmente retomadas, apenas com programas pré-gravados. E pode demorar dias até que os problemas sejam resolvidos.

Os sistemas da TV5Monde ficaram "gravemente danificados" devido ao "ciberataque sem precedentes" que ocorreu durante a noite de quarta-feira, em nome do Daesh. Após terem estado totalmente suspensas durante três horas, as emissões foram apenas parcialmente retomadas podendo demorar dias até que sejam totalmente restabelecidas, informou o diretor-geral da rede televisiva francesa, Yves Bigot.

"À hora a que estamos a falar, conseguimos restaurar um único sinal do conjunto dos nossos canais, mas apenas conseguimos transmitir programas pré-gravados", declarou Bigot.

"Não fomos capazes ainda de restabelecer a difusão, nem a produção dos nossos noticiários", disse o mesmo responsável à rádio RTL.

Bigot disse ter esperança que consigam restabelecer as emissões durante as próximas horas, frisando contudo que "os danos infligidos ao conjunto dos sistemas de produção e difusão são significativos".

O ataque informático ocorreu por volta das 22h (21h em Lisboa) e os ciberjiadistas tomaram também conta dos sites e da página do Facebook da rede televisiva francesa onde divulgaram mensagens intimidatórias do Daesh.

Divulgados dados de supostos familiares de militares franceses

No Facebook divulgaram cartões de identidade e dados de supostos familiares de militares que estão a participar nas operações contra o Daesh, num post acompanhado pela mensagem: "Soldados da França, fiquem longe do Estado Islâmico! Vocês têm a oportunidade de salvarem as vossas famílias, aproveitem-na".

"O Cibercalifado continua a sua ciberjihad contra os inimigos do Estado Islâmico", acrescentaram.

Os piratas informáticos difundiram ainda mensagens acusando o Presidente Hollande de ter cometido "um erro imperdoável" ao ter-se envolvido numa "guerra que não serve nenhum fim".

Criada em 1984 e sediada em Paris, a TV5 Monde chega a mais 257 milhões de casas dos mais diversos pontos do mundo, sendo a maior rede televisiva, a seguir à norte-americana MTV.