Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Avião turco com destino a Lisboa volta para trás devido a ameaça de bomba

  • 333

Aparelho regressou ao aeroporto de Istambul. É o terceiro caso de ameaça de bomba em voos da Turkish Airlines em apenas cinco dias.

Um avião da companhia aérea Turkish Airlines que seguia de Istambul para Lisboa foi obrigado a voltar para trás devido a uma ameaça de bomba. É a terceira vez desde domingo que um aparelho desta companhia não cumpre o plano inicial devido a ameaças deste tipo.

O primeiro caso aconteceu no domingo, dia 29. O avião que tinha descolado de Istambul rumo a Tóquio, no Japão, regressou à procedência depois de ter sido encontrado um bilhete com a mensagem "C-4 Cargo", alertando para a presença deste tipo de explosivo (C-4) no porão de carga. O avião foi inspecionado sem passageiros a bordo, nada tendo sido encontrado. Voltou a descolar rumo à capital japonesa.

No dia seguinte, segunda-feira, 30, o aparelho que descolou de Istambul com destino a São Paulo, Brasil, teve de aterrar de emergência em Casablanca, Marrocos, depois de ter sido encontrada na casa de banho um papel com a palavra "bomba". O avião também foi inspecionado e a história repetiu-se. Nada foi encontrado e voltou a descolar rumo à maior cidade brasileira.

O voo TK 1759  deveria aterrar no Aeroporto de Lisboa esta quarta-feira pela 14h45.