Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Shinzo Abe reúne-se na quinta-feira com Trump em Washington

BRENDAN SMIALOWSKI/AFP/GETTY

Chefe do Governo nipónico irá reiterar que os EUA devem defender a eliminação de todos os mísseis norte-coreanos

O primeiro-ministro japonês Shinzo Abe irá reunir-se esta quinta-feira pela oitava vez com o Presidente norte-americano Donald Trump. Em Washington, o governante nipónico terá menos de duas horas para insistir nos pontos que considera que deverão ser abordados na Cimeira entre Trump e o líder norte-coreano, Kim Jong-un, que decorrerá no próximo dia 12 em Singapura.

“Irei encontrar o Presidente Trump para nos coordenarmos de forma a alcançarmos um maior progresso na questão nuclear, de mísseis e – o mais importante – os casos dos japoneses sequestrados nas décadas de 1970 e 1980 pela Coreia do Norte”, declarou Shinzo Abe em conferência de imprensa antes de partir para Washington.

O governante japonês admitiu que tem opiniões semelhantes ao do líder norte-americano e que ambos irão trabalhar para que a cimeira do próximo dia 12 decorra sem problemas. “Quero que a cimeira EUA-Coreia do Norte seja um sucesso”, acrescentou.

Uma das preocupações do de Shinzo Abe passa pelas garantias de segurança relativamente ao Japão. O chefe do Governo nipónico irá reiterar que os EUA não se podem apenas preocupar com os mísseis intercontinentais da Coreia do Norte, mas defender a eliminação de todos os mísseis norte-coreanos que possam alcançar o país.

O líder norte-americano deverá, por sua vez, reafirmar que a Casa Branca está também preocupada com a segurança dos aliados.

Na sexta-feira, Trump sugeriu que é provável que os dois lados assinem na próxima terça-feira um documento que coloque fim às hostilidades após 65 anos de confrontação iniciados com a Guerra da Coreia. Depois de vários avanços e recuos diplomáticos, realiza-se no próximo dia 12 a cimeira histórica entre os EUA e a Coreia do Norte, em Singapura.