Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Julius Maada Bio já tomou posse como Presidente da Serra Leoa. Num hotel

Julius Maada Bio faz o juramento de posse como novo Presidente da Serra Leoa.

SAIDU BAH

Ex-governante militar venceu por uma margem mínima o adversário, que alega irregularidades e tenciona contestar resultado em tribunal. Maada Bio já governou o país durante pouco mais de dois meses na sequência de um golpe palaciano

O candidato da oposição da Serra Leoa, Julius Maada Bio, apressou-se esta quarta-feira a fazer o juramento presidencial num hotel, depois de vencer a segunda volta das eleições no país da África Ocidental.

A tomada de posse aconteceu menos de duas horas depois de Maada Bio, que já governou o país durante pouco mais de dois meses em 1996, ter sido declarado vencedor das eleições de sábado.

O ex-governante militar venceu por uma margem mínima (51,8% contra 48,2%) o adversário Samura Kamara, que alegou irregularidades e disse que irá contestar os resultados em tribunal.

Na sessão improvisada de investidura, Maada Bio afirmou que era “a aurora de uma nova era” e que “o povo desta grande nação votou para seguir um novo rumo”.

Os defensores do novo Presidente apelidam-no de “pai da democracia”, enquanto os seus críticos falam em violações dos direitos humanos no curto espaço de tempo em que governou. Em janeiro de 1996, Maada Bio tomou o poder depois de encenar um golpe palaciano.