Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Avalanche nos Alpes Suíços faz três mortos que se suspeita serem espanhóis

JEAN-CHRISTOPHE BOTT / EPA

Esquiadores foram apanhados por uma avalanche. Há três mortos e dois sobreviventes

Três esquiadores morreram após terem sido arrastados por uma avalanche nos Alpes Suíços, anunciou hoje a polícia, adiantando que as vítimas serão, provavelmente, de nacionalidade espanhola.

Dois outros membros do grupo foram encontrados vivos.

Os cinco faziam parte de um grupo de esquiadores, que estavam na estação de ski de Fiescheralp, no cantão de Valais.

“Segundo a investigação, as vítimas serão de origem espanhola. A identificação formal dos mortos está em curso”, disse a polícia de Valais, em comunicado.

Quando se encontravam a uma altitude de 2.450 metros, pelas 16:45 (14:45 TMG), uma avalanche arrastou os cinco caminhantes.

“Um outro grupo que se encontrava na mesma área testemunhou o sucedido e informou a polícia”, explicou, em comunicado.

Os cinco caminhantes transportavam dispositivos de deteção de avalanche. Dois deles foram encontrados, "ligeiramente feridos e foram transportados de helicóptero para o hospital", no sábado à noite.

As outras três pessoas foram também encontradas, mas sem vida. Contudo, devido às condições meteorológicas e à má visibilidade, a intervenção dos socorristas teve de ser interrompida durante a noite de sábado para domingo.