Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Descarrilamento de comboio perto de Milão provoca três mortos e 100 feridos

FLAVIO LOSCALZO/EPA

Balanço de vítimas ainda é provisório, avançou a porta-voz dos serviços de emergência da Lombardia. Televisão italiana diz que há pelo menos 46 feridos

Três pessoas morreram e pelo menos 46 ficaram feridas, cinco delas em estado grave, esta quinta-feira de manhã na sequência do descarrilamento de um comboio à entrada da cidade de Milão, avança o jornal “Corriere della Sera”.

Em declarações à Sky Tg24, a porta-voz dos serviços de emergência da região da Lombardia, Cristina Corbetta, disse que há pelo menos 90 feridos graves. A mesma fonte adiantou que há várias equipas de resgate no local, pelo que o balanço de vítimas ainda é provisório.

Segundo o canal RAI, há equipas de bombeiros a tentar libertar uma série de pessoas que ficaram presas numa das carruagens do comboio, entre as estações de Treviglio e Pioltello. Haverá pelo menos 10 feridos em estado grave.

O comboio Trenord seguia de Milão para Cremona, no norte de Itália, quando descarrilou por causas ainda não apuradas. O acidente deu-se pouco antes das 7h da manhã locais (6h da manhã em Lisboa).

(Notícia atualizada às 11h57)