Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Cancelado concerto em Roterdão por causa de “ameaça terrorista”

ARIE KIEVIT/EPA

A polícia holandesa intercetou uma carrinha carregada com botijas de gás nas imediações do lugar do espetáculo, mas não foi confirmado se o facto está relacionado com a ameaça

A polícia de Roterdão intercetou esta quarta-feira uma carrinha de matrícula espanhola, com várias botijas de gás, perto do local onde estava previsto um concerto rock. O espetáculo foi cancelado devido a uma “ameaça terrorista”, anunciou o presidente da câmara.

O condutor da carrinha é espanhol, refere o “El País”, acrescentando que foi detido e interrogado pela polícia.

“Não podemos confirmar neste momento se a carrinha com as botijas de gás está relacionada com a ameaça”, disse também o presidente da câmara.

A informação que levou ao cancelamento do concerto foi transmitida às autoridades holandesas pela polícia espanhola, explicou Ahmed Aboutaleb numa conferência de imprensa. O veículo terá dado nas vistas por circular de um lado para o outro insistentemente junto ao local do evento.

O concerto de rock da banda norte-americana Allah-Las estava marcado para as 20h30 (19h30 em Lisboa) na sala de espetáculos Maassilo.

Numa entrevista, no ano passado, ao jornal britânico “The Guardian”, os membros da banda explicaram a escolha do nome - Allah, deus em árabe - com ter-lhes agradado o “som sagrado” e referiram que não tiveram noção de que podia ofender muçulmanos.

O vocalista, Miles Michaud, disse ao jornal que a banda recebeu emails de muçulmanos de todo o mundo que se diziam ofendidos. Michaud acrescentou que responderam a essas mensagens, explicando que a intenção não era essa, e que "a maioria compreendeu".