Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Grã-Bretanha divulga vídeo com instruções para quem for apanhado num ataque terrorista durante as férias

KENZO TRIBOUILLARD/GETTY

“Fuja, esconda-se, alerte” são os três principais conselhos, explicados ao detalhe no vídeo criado pelo Ministério dos Negócios Estrangeiros britânico para instruir os seus cidadãos sobre o modo como devem agir na “pouco provável hipótese” de serem apanhados num ataque terrorista durante as suas férias

O vídeo de cerca de quatro minutos começa por apresentar as imagens de descontração e lazer de um empreendimento turístico, que repentinamente se torna numa cenário de pânico e terror quando os hóspedes são, inesperadamente, apanhados no meio de um atentado.

“Ataques com armas de fogo são felizmente raros, contudo, na pouco provável hipótese de um ataque, estar preparado e saber como reagir é importante e pode salvar vidas”, é a advertência inicial do vídeo criado pelo Ministério dos Negócios Estrangeiros britânico e pela associação Abta, que congrega agências e operadores turísticos britânicos, para instruírem os cidadãos britânicos sobre qual o comportamento que devem adotar no caso de um atentado terrorista.

“Fuja, esconda-se, alerte” são os três principais conselhos apresentados no vídeo que explica que modo muito clara e eficaz como se deve analisar a situação, para tomar as melhores opções.

“Se ouvir tiros e vir um caminho para uma fuga segura, deixe todos os seus pertences para trás e corra”. No caso de tal não ser possível, deve então encarar-se a segunda opção, esconder-se. “Os melhores locais terão uma barreira física sólida” que sirva de proteção face aos terroristas. “Tranque-se e afasta-se das portas e janelas”, “barrique-se”, referem ainda, acrescentando que depois disso se deve fazer o mínimo barulho para que possam mais facilmente não ser detetados. O que passa, é claro, por não esquecer de retirar o som e mesmo a vibração dos telemóveis.

Só depois de se conseguido fugir para um sitio seguro se deve alertar as autoridades. Mas aqueles que estejam escondidos quando estas chegarem devem ter cuidados especiais para que não sejam confundidos com terroristas nessa altura, advertem ainda.

“É muito como aquelas instruções de segurança que recebemos após termos embarcado e antes do avião descolar – é muito pouco provável que o avião vá ter um acidente, mas é muito importante que lhe seja dado o conhecimento sobre o que deve e não deve fazer”, explicou à BBC Scott Wilson das forças de contra-terrorismo da polícia britânica, que esclareceu ainda que o vídeo foi criado apenas como medida preventiva, não havendo qualquer indicação de que os britânicos sejam alvos específicos de atentados neste verão.

A sua divulgação ocorre após os diversos atentados ocorridos recentemente em território britânico e de em junho de 2015 o ataque a uma estância balnear da Tunísia ter feitos três vítimas britânicas, entre o total de 38 mortos.