Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Putin considera “ameaça adicional” adesão da Suécia à NATO

Dmitri Lovetsky / REUTERS

“Para nós, significa que a NATO se está a expandir em direção às nossas fronteiras”

O Presidente russo, Vladimir Putin, disse esta quinta-feira que uma adesão da Suécia à NATO seria vista pelo Kremlin como uma “ameaça adicional” à sua segurança.

“Se a Suécia aderir à NATO, isso vai ter, naturalmente, um impacto negativo nas nossas relações bilaterais. Para nós, significa que a NATO se está a expandir em direção às nossas fronteiras, até do território sueco”, declarou Putin numa entrevista com os presidentes de dez grandes agências noticiosas internacionais.

“Claro que isso não significa que vamos ficar nervosos e preparar os nossos mísseis, mas vamos pensar numa resposta apropriada. Será uma ameaça adicional para a Rússia”, adiantou, citado pela agência sueca TT.

A NATO tem reforçado a sua presença na região do Báltico devido à ameaça russa e a Suécia aumentou as suas capacidades e os exercícios militares em conjunto com a Aliança Atlântica. A Rússia tem-se mostrado totalmente contra a possibilidade de países como a Suécia, Finlândia, Geórgia ou Montenegro ingressarem na Aliança Atlântica.