Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Ataque suicida contra missão da NATO em Cabul mata oito civis

Ataque ocorreu perto da embaixada dos EUA em Cabul

WAKIL KOHSAR

Atentado com explosivos teve lugar nas imediações da embaixada dos EUA na capital do Afeganistão e já foi reivindicado pelo Daesh

Um ataque suicida que teve como alvo elementos da missão da NATO na capital do Afeganistão provocou pelo menos oito mortos e 26 feridos esta quarta-feira de manhã, pelas 7h45 locais (2h15 da madrugada em Lisboa).

Fonte do governo afegão diz que as vítimas mortais eram civis e que, entre os feridos, se contam três oficiais norte-americanos. O ataque contra uma coluna de veículos da NATO aconteceu perto da embaixada dos Estados Unidos em Cabul na hora de maior tráfego matinal.

O autooproclamado Estado Islâmico (Daesh) diz ser responsável pelo atentado, adianta a BBC, ataque que acontece depois de os talibãs afegãos terem ameaçado atacar as forças estrangeiras instaladas no país.

Dois dos veículos da NATO ficaram danificados, bem como vários carros de civis que circulavam na zona à hora do ataque. As janelas de vários edifícios num raio de centenas de metros partiram-se com a força da explosão.

No Twitter, a missão Apoio Resoluto da NATO explicou que os veículos blindados que transportam o pessoal da aliança, projetados para resistirem a grandes explosões, conseguiram voltar à base das forças da coligação em Cabul.