Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Fillon e Macron foram os mais votados em Portugal

Apenas 4.307 (32,9%) dos 13.099 cidadãos franceses inscritos em Portugal votaram nas eleições de domingo, 3.336 dos quais em Lisboa (na foto) e os restantes no Porto

Miguel A.Lopes / Lusa

Segundo a a Embaixada, François Fillon foi o preferido dos franceses que residem em Portugal, reunindo 35,9% dos votos, seguido do centrista independente Emmanuel Macron, com 33,6%

O candidato da direita às presidenciais francesas, François Fillon, e o independente Emmanuel Macron foram os favoritos dos franceses residentes em Portugal que votaram na primeira volta do escrutínio, no domingo, segundo dados fornecidos à Lusa.

Segundo a a Embaixada de França em Portugal, apenas 4.307 (32,9%) dos 13.099 inscritos votaram nas eleições de domingo, 3.336 dos quais em Lisboa e os restantes no Porto.

Dos 11 candidatos, François Fillon foi o preferido dos franceses em Portugal, reunindo 35,9% dos votos, seguido do centrista independente Emmanuel Macron, com 33,6%.

O candidato da extrema-esquerda, Jean-Luc Mélenchon, foi o terceiro mais votado, reunindo 12,3% dos votos entre os eleitores em Lisboa e no Porto.

Marine Le Pen, da extrema-direita, reuniu 7,9% dos votos, enquanto o socialista Benoît Hamon obteve 6,5%.

Segundo os resultados globais definitivos publicados pelo Ministério do Interior francês, o independente Emmanuel Macron venceu a primeira volta das presidenciais francesas com 24,01% dos votos, à frente da líder da Frente Nacional, Marine Le Pen, que conseguiu 21,30% dos votos.

O candidato conservador François Fillon, do partido republicano, ficou na terceira posição com 20,01% dos votos, seguido pelo candidato da esquerda radical Jean-Luc Mélenchon com 19,58% dos votos.

Benoît Hamon, candidato do partido socialista francês (no poder), conseguiu pouco menos de 2,3 milhões de votos (6,36%), o valor mais baixo alguma vez registado por um candidato daquela força partidária.