Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Motoristas da Uber em Nova Iorque vão receber gorjetas

Getty

Aplicação da Uber deverá, em breve, permitir o pagamento de uma gorjeta ao motorista ainda que o pagamento seja feito apenas com o cartão de crédito

A Comissão para os Táxis e Limusines de Nova Iorque pretende obrigar a Uber a introduzir na sua aplicação a possibilidade de oferecer uma gorjeta ao motorista.

Ao contrário do que acontece com outras aplicações instaladas a bordo dos táxis desta cidade norte-americana, que permitem há vários anos gratificar o condutor mesmo que o cliente tenha de pagar a corrida apenas com um cartão de crédito, no caso da Uber tal não era possível.

Fonte da empresa de transporte de passageiros já veio dizer que vão analisar a recomendação conhecida esta segunda-feira e que, e que apesar de não incentivar também nunca proibiu os seus clientes de pagar gorjetas aos motoristas em dinheiro vivo.

A tomada da posição da Comissão para os Táxis e Limusines de Nova Iorque não terá sido alheia a uma petição de uma organização representativa dos motoristas da Uber (Independent Drivers Guild), na qual os mais de 11 mil subscritores alegavam que estariam a perder milhares de dólares.

A Lyft, um dos principais concorrentes da Uber, revelou recentemente que os seus motoristas já teriam recebido mais de 200 milhões de dólares (188 milhões de euros) em gorjetas desde que disponibilizou essa funcionalidade em 2012.