Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Uma grande muralha, uma parede de gelo ou um fosso radioativo? As diferentes ideias para o muro de Trump

Vista aérea da barreira já existente numa parte da fronteira dos Estados Unidos com o México

MARIO VAZQUEZ

As propostas para a construção do muro na fronteira dos Estados Unidos com o México vão desde estruturas tradicionais, semelhantes à Muralha da China, a uma parede de gelo, inspirada na série televisiva "Guerra dos Tronos"

O prazo de entrega das propostas terminou recentemente e o presidente Donald Trump já está a examinar alguns dos projetos apresentados. Um dos mais interessantes é a construção de uma Grande Muralha, a imitar a da China. Outra, ainda mais bizarra e irrealista, consiste numa parede de gelo, inspirada na série “Game of Thrones”. Entre as propostas há também uma que tem por base o uso de dois mil painéis solares e uma outra que consiste num fosso com resíduos radioativos.

Por outro lado, uma arquiteta venezuelana propôs um "anti-muro" e o aproveitamento do espaço comum entre os dois países. Victoria Benatar, radicada em Nova Iorque, propõe uma área de cem quilómetros com urbanizações, infraestruturas, oportunidades de emprego e inovação tecnológica, para mexicanos e norte-americanos.

Na mesma linha de pensamento, um grupo de arquitetos mexicanos e norte-americanos propõe o projeto "Outra nação: a última fronteira", que no lugar do muro sugere a construção "do corredor de transporte mais rápido e sustentável" do mundo. De acordo com a proposta, entre San Diego e Tijuana, um comboio elétrico e futurístico percorreria vias construídas sobre um pedaço de território autogerido, onde cidadãos dos dois países poderiam viver em liberdade e harmonia.

O presidente dos Estados Unidos disse recentemente que já viu pelo menos dez projetos e assegurou que está pessoalmente envolvido na concretização de uma das principais promessas da sua campanha eleitoral, para a qual tomará "uma decisão muito em breve".

No início de junho deverão ser anunciados os nomes das dez propostas selecionadas que poderão construir protótipos do projeto, com nove metros de comprimento e 5,5 a nove metros de altura, de acordo com as disposições do concurso aberto pela Casa Branca.