Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

“Daily Mail” vai pagar indemnização de 2,7 milhões de euros a Melania Trump

JOE SKIPPER

A verba será paga pelos danos causados pelo artigo publicado no site do tabloide britânico que “questionava a natureza do trabalho como modelo profissional” efetuado pela atual primeira dama dos Estados Unidos nos anos 1990

O “Daily Mail” pediu desculpa e acordou pagar uma indemnização de 2,7 milhões de euros à atual primeira dama dos Estados Unidos, Melania Trump, pelos danos causados pelo artigo publicado no seu site4 em agosto do ano passado que “questionava a natureza do trabalho como modelo profissional” durante os anos 1990.

O acordo foi estabelecido esta quarta-feira no Alto Tribunal de Londres.

“Nós aceitamos que estas alegações sobre a senhora Trump não são verdadeiras e nós retratamo-nos e retiramo-la. Nós pedimos desculpa à senhora Trump por qualquer transtorno que a nossa publicação lhe tenha causado”, referiu uma declaração do “Daily Mail” e do “Mail Online”.

A mulher de Donald Trumpo apresentara queixa em setembro, acusando o site do tabloide britânico de ter publicado informações “falsas e difamatórias” e pedindo 141 milhões de euros de indemnização.

Anteriormente o “Daily Mail” já pagou também indemnizações a J.K. Rowling, autora da saga de Harry Potter, e ao músico Elton John, pela publicação de informações erradas a seu respeito.

Em fevereiro, o Wikipedia bloqueou citações extraídas do “Daily Mail” por os editores do site considerarem que se trata de uma fonte “geralmente não fiável”.