Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Mulher do candidato François Fillon também colocada sob investigação

LIONEL BONAVENTURE/GETTY

O novo processo deverá penalizar ainda mais a candidatura do ex-primeiro-ministro às presidenciais francesas

Os magistrados franceses decidiram esta quarta-feira colocar também Penelope Fillon, a mulher de François Fillon, sob investigação formal, devido à suspeita de ter recebido centenas de milhares de euros de fundos públicos como pagamento de um trabalho supostamente fictício.

O novo processo ocorre semanas depois de Fillon ter sido colocado sob investigação por enquanto primeiro-ministro ter pago à sua mulher pelas funções de assistente parlamentar, suspeitando-se que na realidade ela não terá executado essas funções, e por enquanto senador ter contratado dois dos seus filhos como advogados, quando na altura ainda nem sequer tinham qualificações para tal.

Atualmente com 63 anos, o candidato de centro-direita às presidenciais de abril e maio chegou a ser apresentado como favorito, mas atualmente surge atrás da candidata da extrema-direita Marine Le Pen, e do candidato centrista Emmanuel Macron.

  • François Fillon já foi formalmente acusado

    O candidato de centro-direita às presidenciais francesas é alvo de diversas acusações, entre as quais a de uso indevido de fundos públicos, num caso que envolve a suposta criação de empregos fictícios para a sua mulher e para dois dos seus filhos