Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Alemanha regista mais de 3.500 ataques a refugiados e abrigos de requerentes de asilo

Segundo os dados divulgados pelo Ministério do Interior da Alemanha e relativos a 2016, os ataques provocaram 560 feridos, 43 dos quais crianças

As forças de segurança alemãs registaram 3.533 ataques contra refugiados e abrigos de requerentes de asilo em 2016, nos quais 560 pessoas ficaram feridas, 43 destas crianças, divulgou este domingo o Ministério do Interior da Alemanha.

Paralelamente a estes números, divulgados em resposta a uma pergunta do grupo parlamentar da esquerda, o ministério também informou que houve 217 ataques a organizações não-governamentais que ajudam os refugiados e a voluntários.

Dos 3.533 ataques refugiados, 2.545 ocorreram fora dos abrigos, enquanto 988 ataques foram realizados em abrigos (número inferior ao registado no anos anterior, 1.031 ataques).

De acordo com o relatório anual do Ministério do Interior, em 2016, a Alemanha recebeu 280.000 requerentes de asilo, o que representa uma diminuição de 68% em relação ao ano anterior, quando 890.000 pessoas pediram refúgio no país.

Em janeiro passado, entraram no país cerca de 14.500 requerentes de asilo.