Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Luxemburgo. Pelo menos um morto e dois feridos em colisão de comboios

JULIEN WARNAND/EPA

Os motivos do acidente são ainda desconhecidos. O tráfego ferroviário entre o Luxemburgo e Thionville foi interrompido e milhares de passageiros que utilizam a linha estão a ser transportados de autocarro

Pelo menos uma pessoa morreu e duas ficaram feridas esta manhã na sequência de uma colisão de comboios no Luxemburgo. Há registo também de um desaparecido, segundo o último balanço das autoridades.

A vítima mortal era o maquinista do comboio de passageiros, confirmou o ministro luxemburguês das Infrastructures, François Bausch e o ministre do Interior, Dan Kersch, em conferência de imprensa. “O maquinista do comboio de mercadorias teve bons reflexos e conseguiu refugiar-se no fundo da sua composição”, explicou um dos ministros.

Um comboio de passageiros que vinha de Thionville (nordeste de França) colidiu cerca das 9h (8h em Lisboa) com um comboio de mercadorias, entre Zoufftgen, em França, e a estação de triagem de Bettembourg, no Grão-Ducado.

As razões do acidente “estão ainda por determinar”, informou a companhia dos caminhos de ferro luxemburgueses (CFL), operadora do comboio de passageiros. Mas será aberto em breve um inquérito sobre a colisão, adiantou a CFL.

O tráfego ferroviário foi interrompido entre o Luxemburgo e Thionville e os milhares de passageiros que utilizam a linha estão a ser transportados de autocarro.

Cerca de 80 mil residentes na região francesa de Lorena trabalham no Grão-Ducado.