Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Senadores republicanos propõem que Obamacare se mantenha em alguns estados

JIM LO SCALZO/ EPA

Os dois senadores querem que os e estados possam manter o programa de saúde ou adotar um novo programa destinado a garantir serviços médicos básicos

Dois senadores republicanos anunciaram estar a ultimar legislação que permitirá a Estados norte-americanos manterem o programa de saúde do ex-Presidente Barack Obama ou adotar um novo programa destinado a garantir serviços médicos básicos.

A medida, dos senadores Bill Cassidy, da Louisiana, e Susan Collins, do Maine, constituiu um recuo face às insistentes e prolongadas reivindicações dos republicanos para a retirada da lei que Obama aprovou ("Obamacare") e impor a sua substituição.

A nova legislação redigida pelos dois senadores coincide com as pressões do Presidente Donald Trump sobre o Congresso para a rápida anulação e fazer aprovar uma versão do GOP (Grand Old Party), o Partido Republicano.

Trump já referiu que pretende manter algumas das medidas do "Obamacare", como garantir que as seguradoras cubram as despesas das pessoas com problemas médicos pré-existentes. No entanto, não sugeriu que qualquer dos Estados norte-americanos mantivesse na totalidade o anterior estatuto.

Cassidy disse que o plano segue a filosofia do GOP de transferir algum poder de Washington para os governos dos Estados.