Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Detido em Espanha suspeito de recrutar combatentes para o Estado Islâmico

O homem, de nacionalidade marroquina, é descrito como alguém “muito ativo no recrutamento de novos membros”, geralmente jovens “socialmente vulneráveis”

As autoridades de San Sebastian, em Espanha, detiveram esta segunda-feira um cidadão, suspeito de liderar uma grupo que recrutava combatentes para o autoroclamado Estado Islâmico. Segundo o Ministério espanhol do Interior, o homem, um cidadão marroquino que viveu em Espanha, escolhia jovens socialmente vulneráveis, que doutrinava e enviava para a Turquia, onde estes continuavam a ser radicalizados pelo Daesh, sobre como realizar ataques terroristas na Europa.

O suspeito é descrito como alguém “muito ativo no recrutamento de novos membros”, geralmente pessoas em risco de exclusão social, jovens “emocionalmente instáveis” ou “facilmente influenciáveis”.

O homem estaria ligado a outro membro de uma célula terrorista e que foi preso em novembro, em Estrasburgo.