Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Cônsul da embaixada russa em Atenas encontrado morto

O cônsul Andrey Malanin, de 54 anos, foi encontrado no seu apartamento situado na capital grega

A polícia grega referiu esta segunda-feira que o chefe da seção consular da embaixada russa em Atenas foi encontrado morto no seu apartamento, mas sem fornecer indicações imediatas sobre as causas do falecimento.

Uma funcionária consular encontrou esta segunda-feira o corpo já sem vida do cônsul Andrey Malanin, 54 anos, no seu apartamento situado na capital grega.

A polícia referiu que o corpo vai ser autopsiado, enquanto o departamento de homicídios também está a investigar a morte devido ao estatuto diplomático de Malanin.

No entanto, a polícia já indicou que o corpo não apresentava sinais visíveis de ferimentos, e excluiu que o apartamento tenha sido assaltado.

Em dezembro o embaixador da Rússia na Turquia, Andrei Karlov, foi assassinado por um oficial da polícia quando discursava na inauguração de uma exposição de fotografia em Ancara.

O assassino, abatido pelas forças de segurança turcas, matou o diplomata em protesto contra a intervenção russa na Síria, ao lado do regime do Presidente Bashar al-Assad.