Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Seguradora japonesa substitui funcionários por inteligência artificial

Mais de 30 funcionários da agência de seguros Fukoku foram despedidos. Robôs têm a capacidade de calcular as indemnizações a pagar

O futuro em que as máquinas irão substituir os humanos chegará já em março à agência de seguros japonesa Fukoku, que irá dispensar 34 funcionários cujo trabalho passará "a ser redundante" após a instalação de um sistema de inteligência artificial (IA) que ocorrerá no próximo mês.

A Fukoku prevê aumentar a sua produtividade em 30% e conseguir o retorno do investimento do sistema de IA em menos de dois anos.

O instalação do sistema, baseado no IBM Watson Explorer, representará um investimento de 1,629 milhões de euros e a manutenção anual está orçada em 122 mil euros, mas os salários dos funcionários que vai dispensar têm um custo de 1,446 milhões de euros anuais.

A IBM indica tratar-se de “tecnologia cognitiva que pode pensar como um humano” com capacidade para “analisar e interpretar toda a vossa informação, inclusivamente texto não estruturado, áudio e vídeo”.

A Fukoku referiu que o irá utilizar para compilar e tratar a informação necessária para o pagamento das indemnizações, o que passa pela análise de dezenas de milhar de certificados médicos e dos dados sobre cirurgias e internamentos hospitalares.

A previsão é que o sistema reduza significativamente o tempo despendido no estabelecimento do cálculo para as indemnizações.

Apesar do cálculo passar a ser feito informaticamente, um funcionário da agência terá de continuar a aprovar o valor da indemnização antes do pagamento ser concretizado.

Um estudo do Fórum Económico Mundial previu que a adoção de robôs e de sistemas de IA resultará nos próximos cinco anos na eliminação de 5,1 milhões de postos de trabalho em 15 países que concentram 65% da força de trabalho de todo o mundo.

O Instituto de Investigação Nomura previu que no ano de 2035 quase metade dos trabalhos atualmente existentes no Japão poderão ser desempenhados por robôs.