Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Sessenta feridos em festival de música na Austrália

Vista geral do Falls Festival, em 2007

Kristian Dowling

As vítimas foram esmagadas pela multidão que tentava abandonar um dos palcos. 19 delas têm ferimentos graves

Sessenta pessoas ficaram feridas este sábado na Austrália esmagadas numa multidão que tentava abandonar o recinto de um festival de música, disse a polícia. Segundo as autoridades, 19 dos feridos têm lesões graves, mas ninguém corre risco de vida.

O incidente ocorreu no Falls Music and Arts Festival, em Victoria, no final de um concerto da banda australiana DMA, quando algumas pessoas na frente da multidão caíram, seguindo-se o espezinhamento pela pressão do público que estava atrás e queria sair do recinto. Conforme avança o "The Guardian", tudo aconteceu quando parte do público tentava sair do palco Grand Theatre, onde atuavam os DMA, para se deslocar ao palco Arena, onde iria acontecer de seguida a atuação dos London Grammar.

"Foi uma cena bastante caótica e requereu uma importante resposta. Apesar de os ferimentos serem significativos, isto podia ter sido uma tragédia séria e estamos agradecidos por o resultado não ter sido pior", afirmou o porta-voz do Ambulance Vistoria (serviço de ambulâncias da parte rural de Victoria e de Melbourne), Paul Holman, ao jornal britânico. O mesmo responsável adiantou que foram levados para o hospital "seis homens e treze mulheres", com fraturas nas pernas, ancas, zona pélvica ou costelas.

Os concertos foram cancelados no resto da noite, tendo entretanto retomado o horário previsto.