Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Estado Islâmico reivindica atentado em Bagdad

O Estado Islâmico anunciou que os dois atacantes levavam cintos explosivos, que detonaram quando se encontravam num mercado no bairro de Al-Sinek, em pleno centro de Bagdad

O grupo extremista Estado Islâmico (EI) reivindicou a autoria do duplo atentado realizado este sábado em Bagdad por dois suicidas e que causou 27 mortos e 53 feridos.

Num comunicado divulgado na Internet e cuja autenticidade não pode ser confirmada, o grupo identifica os dois suicidas como Abu Nayaf al-Iraqui e Abu Abdelmalek al-Iraqui.

O Estado Islâmico indica que os dois atacantes levavam cintos explosivos, que detonaram quando se encontravam num mercado no bairro de Al-Sinek, em pleno centro de Bagdad.