Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Manifestação em Tunes contra regresso de “jihadistas” à Tunísia

O ministro do Interior, Hedi Majdoud, que anunciou na sexta-feira o regresso de 800 'jihadistas' de cenários de conflito

Centenas de pessoas manifestaram-se este sábado junto ao parlamento tunisino, em Tunes, para protestar contra o regresso de 'jihadistas' tunisinos que abandonaram a Síria, o Iraque e a Líbia, noticiou a agência Efe.

Os manifestantes exibiam bandeiras nacionais e cartazes com frases contra o terrorismo.

O ministro do Interior, Hedi Majdoud, que anunciou na sexta-feira o regresso de 800 'jihadistas' de cenários de conflito, afirmou que o seu ministério dispõe de todos os dados necessários sobre os que estão envolvidos no terreno.

Também este sábado as autoridades tunisinas detiveram três suspeitos com ligações a Anis Amri, o alegado responsável pelo atentado que matou 12 pessoas em Berlim e que foi abatido na sexta-feira pelas forças de segurança italianas em Milão, informou o ministro do Interior tunisino, Hédi Majdoub, num comunicado citado pela AFP.