Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Filme mais caro de sempre do cinema chinês arrecada €64 milhões na estreia

O filme “The Great Wall”, do realizador Zhang Yimou, custou mais de 140 milhões de euros e chega às salas de cinema portuguesas em fevereiro de 2017

O filme mais caro da história do cinema chinês, “The Great Wall”, protagonizado pelo norte-americano Matt Damon, arrecadou 465 milhões de yuan (64 milhões de euros), no primeiro fim de semana em que foi projetado.

Segundo os cálculos elaborados em tempo real pelo portal China Box Office, o filme registou o quarto melhor início deste ano no mercado chinês de cinema, o segundo maior do mundo.

A obra, dirigida pelo chinês Zhang Yimou, custou mais de 140 milhões de euros, e relata as aventuras de um mercenário inglês. A história remete para uma China imaginária, onde a Grande Muralha, o monumento mais conhecido do país, foi edificada para deter a invasão por monstros que comem carne humana.

“The Great Wall” é a primeira coprodução entre a China e os Estados Unidos da produtora de Hollywood Legendary, adquirida no início deste ano por Wang Jianlin, o homem mais rico da China e presidente do grupo Wanda Group, que tem a maior rede de distribuição cinematográfica do mundo.

Um outro filme da mesma produtora estreado este ano, “Warcraft”, arrecadou quase 92 milhões de euros no seu primeiro fim de semana de exibição nos cinemas chineses, e alcançou receitas finais de 201 milhões de euros.

Este ano, a obra com melhores resultados na estreia na China, “The Mermaid”, alcançou uma receita de bilheteira final de 466 milhões de euros, o melhor resultado de sempre no país.