Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Apoiantes da líder indiana Jayalalithaa rapam o cabelo em sinal de luto

ADNAN ABIDI~/REUTERS

Antiga estrela de cinema, a líder política era considerada uma semideusa na sua região natal. Rapar o cabelo é uma tradição de luto hindu e também uma manifestação religiosa

Em sinal de luto e respeito, vários apoiantes da líder política indiana Jayalalithaa Jayaram – falecida esta segunda-feira – raparam o cabelo.

Antiga estrela de cinema, Jayalalithaa tinha 68 anos e era considerada uma semideusa na sua região natal. Ministro-chefe do estado de Tamil Nadu, nem os vários processos de corrupção que a envolveram afastaram os seus muitos admiradores.

Rapar o cabelo é uma tradição de luto hindu, normalmente reservada como manifestação pela morte de um parente próximo. Também está associada a uma prática religiosa, a procura da bençãos dos deuses, uma espécie de promessa feita pelos devotos.

No funeral de Jayalalithaa, perto da praia de Marina, em Chennai, participaram dezenas de milhares de pessoas.