Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Trump anuncia que será Presidente a tempo inteiro

Drew Angerer/GETTY

Presidente eleito justifica a decisão para evitar “conflitos de interesses” enquanto líder dos EUA e dono de grandes empresas

O Presidente eleito dos EUA anunciou esta quarta-feira que vai abandonar a liderança das suas empresas para se dedicar em exclusivo à presidência do país.

“Irei deixar os meus grandes negócios na totalidade para me poder concentrar por completo na liderança do país, de forma a tornar a América grande outra vez”, escreveu Donald Trump na sua conta no Twitter.

Remetendo mais explicações para uma conferência de imprensa no próximo dia 15, com os seus filhos, Trump defendeu que acumular a presidência dos EUA e a gestão das suas empresas causaria “conflito de interesses”e iria contra a lei.

O Presidente eleito adiantou ainda que a documentação para passar os negócios para os seus filhos já está a ser concluída. “A Presidência é uma tarefa muito mais importante”, rematou.

Trump detém participações em mais de 500 empresas espalhadas por 25 países, incluindo a Turquia, Qatar e Arábia Saudita. De acordo com uma sondagem da CNN, seis em cada 10 inquiridos acreditam que o futuro Presidente dos EUA não fará o suficiente para evitar conflitos de interesses.

A fortuna do multimilionário ultrapassa os 10 mil milhões de dólares (cerca de 9,4 mil milhões de euros), segundo a declaração financeira entregue por Trump durante a campanha à Comissão Federal Eleitoral.