Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Australiana abandonou 14 gatos que se comeram uns aos outros

Ao chegarem à sua residência, os inspetores encontraram apenas um dos felinos ainda com vida

Um tribunal australiano condenou uma mulher de 43 anos a um ano de prisão de pena suspensa e proibiu-a de voltar alguma vez a ter animais de estimação. Tudo porque abandonado em sua casa 14 gatos, que se comeram uns aos outros.

Ao entrarem na casa em setembro de 2015, os inspetores sanitários depararam com um cenário devastador. Só um felino ainda estava vivo e “os restos dos outros 13 gatos estavam espalhados pela casa. Foi uma visão devastadora”, descreveu a inspetora chefe Andrea Lewis.

“Eles já viram coisas bastante más, mas isto é algo que irá permanecer com eles durante muito tempo” , relatou à BBC.

Na sentença, o tribunal levou em conta o estado mental da arguida e o facto de já ter estado duas semanas detida, por não ter comparecido a anteriores audições.