Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Zuckerberg quer combater notícias falsas no Facebook

Getty

Fundador da rede social anunciou sete medidas para combater a “desinformação” no Facebook

Depois da polémica sobre as eleições norte-americanas e de ter negado influência na vitória de Donald Trump, o fundador do Facebook anunciou que irá tomar medidas para combater as notícias falsas na rede social.

Mark Zuckerberg diz que é essencial combater a “desinformação” e que a sua equipa já está a trabalhar a esse nível para satisfazer os utilizadores. “O nosso objetivo é ligar as pessoas com as histórias mais significativas e sabemos que as pessoas querem informações precisas. Estamos a trabalhar neste problema há muito tempo e assumimos esta responsabilidade de forma séria. Temos conseguido progressos significativos, mas existe mais trabalho a ser feito”, escreveu o líder do FB num post.

Admitindo que os problemas são “complexos em termos técnicos e filosóficos”, Zuckerberg explica que o Facebook não quer desincentivar as pessoas a emitirem opiniões, nem assumir-se como “árbitro da verdade”. No entanto, defende ser necessário maior controlo das informações partilhadas na rede social, elencando neste âmbito as seguintes sete medidas:

1. Melhorar a capacidade de deteção, o que passa pelo Facebook melhorar a sua “capacidade de classificar a desinformação”, através de “melhores sistemas técnicos”;

2. Facilitar a denúncia de histórias falsas para os utilizadores ajudarem os colaboradores da rede social;

3. Verificação externa através de parcerias com organizações que façam o fact-checking;

4. Alertas. Identificar os links denunciados como notícias falsas e mostrar avisos quando os utilizadores lerem ou partilharem os links;

5. Artigos relacionados: vários artigos falsos surgem relacionados com notícias verdadeiras, sendo que o Facebook vai fazer depender a aceitação de relacionados;

6. Eliminar conteúdos falsos patrocinados;

7. Trabalhar com jornalistas e outros protagonistas do sector para apresentar técnicas de verificação das notícias