Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Trump verá “em que circunstâncias” aceitará o resultado das eleições

Donald Trump votou em Nova IOrque

Getty Images

A poucas horas de se saber quem será o próximo presidente dos EUA, Trump diz sentir-se em forma. E está otimista: “Estamos a ter números bons”

Helena Bento

Jornalista

Donald Trump verá “em que circunstâncias” aceitará o resultado final das eleições”, perante aquilo que diz ter sido uma fraude eleitoral no Nevada. “Temos de manter o sistema honesto. Quero que tudo fique muito claro. Vamos ver como é que as coisas correm. Espero que não tenhamos de nos preocupar com nada, isto é, que vençamos as eleições”, disse Trump, em declarações à Fox News.

Os advogados de Donald Trump apresentaram queixa contra Joe P. Gloria, do gabinete eleitoral de Clark County, por causa de uma assembleia de voto em Las Vegas que terá permanecido aberta para lá da hora marcada na semana passada. Um porta-voz daquele condado explicou, na altura, que a decisão foi tomada em virtude de haver ainda pessoas nas filas para votar à hora de fecho das urnas. Entretanto, soube-se que a juíza Gloria Sturman, do estado do Nevada, recusou dar seguimento à queixa.

A poucas horas de se saber quem será o próximo presidente dos EUA, o candidato republicano diz sentir-se em forma. E optimista. “Tem sido incrível. Sinto-me ótimo, tive uma maratona nos últimos três dias. Muitas pessoas. discursos. Sinto-me muito bem para hoje à noite. Veremos o que vai acontecer. Estamos a ter números bons. Veremos. Quem sabe? Acho que nos vamos sair bem”.

Donald Trump aproveitou ainda para criticar Barack Obama e, em concreto, o seu programa ObamaCare “Ninguém sabe o quão sério é o ObamaCare. Está a destruir famílias e negócios. O ObamaCare está a matar o nosso país, está a fazer-lhe muito mal.”