Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Lula constituído réu por caso relacionado com Angola

  • 333

Getty

O ex-presidente foi constituído réu com mais outras nove pessoas, entre as quais o empresário Tiagura Rodrigues dos Santos, sobrinho da sua primeira mulher, e o empreiteiro Marcelo Odebrecht

Um juiz de um tribunal federal em Brasília aceitou integralmente esta quinta-feira a acusação do Ministério Público e abriu uma ação penal contra o ex-Presidente brasileiro e mais nove pessoas entre as quais Tiagura Rodrigues dos Santos, sobrinho da sua primeira mulher de Lula da Silva, e o empreiteiro Marcelo Odebrecht.

Lula é acusado de organização criminosa, corrupção passiva, lavagem de dinheiro e tráfico de influência.

Segundo a Procuradoria, entre 2008 e 2015, Lula atuou junto do Banco Nacional de Desenvolvimento Económico e Social e outras instituições sedeadas em Brasília, com o objetivo de libertar financiamentos do banco público para obras da Odebrecht em Angola.

Lula terá depois sido compensado de forma indireta, através de benefícios concedidos a seus familiares e de pagamentos efetuados à sua empresa de palestras.

Esta é a terceira vez que Lula se torna réu no âmbito da operação Lava Jato.