Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Hillary Clinton: Guterres provou ser “defensor dos mais vulneráveis” e “construtor de consensos”

  • 333

BRENDAN SMIALOWSKI/ Getty Images

A candidata à Casa Branca felicitou a aclamação do antigo primeiro-ministro português para o mais alto cargo das Nações Unidas. Em comunicado, Clinton destacou o papel de Guterres enquanto alto-comissário para os refugiados

“Um defensor dos direitos-humanos e dos mais vulneráveis” e “um construtor de consensos”. É assim que Hillary Clinton descreve António Guterres. Em comunicado divulgado esta quinta-feira, a candidata Democrata à Casa Branca felicita o português pela aclamação como secretário-geral das Nações Unidas.

“Durante a sua carreira, o Senhor Guterres provou ser um defensor dos direitos-humanos dos mais vulneráveis. Como alto-comissário para os refugiados, ajudou e deu esperança a milhões de homens, mulheres e crianças que foram forçadas a abandonar as suas casas. Ele é também um construtor de consensos, que consegue unir pessoas através de interesses e desafios comuns”, lê-se no comunicado publicado na página oficial de campanha de Clinton.

É pelo passado e pela experiência de António Guterres que a norte-americana se mostra entusiasmada com o futuro. Mostra-se satisfeita pelo facto de o antigo alto-comissário quer aumentar a diversidade na liderança da ONU e pela possibilidade de ambos colaborarem.

“Se for eleita Presidente dos Estados Unidos da América, mal posso esperar por trabalhar com Guterres e com todos os seus parceiros para ajudar a moldar um futuro mais pacífico e próspero para todos os cidadãos do mundo”, concluiu.

António Guterres foi aclamado, na tarde desta quinta-feira, como o novo secretário-geral das Nações Unidas na Assembleia-geral das Nações Unidas (ONU), cargo que assumirá a 1 de janeiro.