Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Kristalina Georgieva entra na corrida a secretário-geral da ONU

  • 333

FRANÇOIS LENOIR / Reuters

Candidata búlgara apoiada por Angela Merkel, é considerada a mais difícil adversária de António Guterres na corrida à liderança das Nações Unidas

A Bulgária mudou a sua candidata ao cargo de secretário-geral da ONU, substituindo Irina Bokova por Kristalina Georgieva, anunciou o primeiro-ministro do país, citado pela AFP.

Kristalina Georgieva, candidata apoiada pela chanceler alemã, Angela Merkel, é considerada a mais difícil adversária do ex-primeiro-ministro português António Guterres na corrida à liderança das Nações Unidas.

O anúncio foi feito pelo primeiro-ministro búlgaro Boiko Borissov, esta terça-feira, em Sofia. "Nós acreditamos que é uma candidatura de sucesso", disse o chefe do governo de centro-direita aos jornalistas na capital búlgara, referindo-se a Kristalina Georgieva.

O nome de Irina Bokova tinha sido proposto pelos socialistas da Bulgária.

[Notícia atualizada às 9h42]

  • Guterres na ONU: guerra adiada para outubro

    Kristalina Georgieva, a búlgara que pode ameaçar António Guterres na corrida à sucessão de Ban Ki-moon, ganha espaço mas não avança antes de dia 26. Marcelo pode cruzar-se com ela, esta semana, em Sofia