Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Sobe para 120 o número de mortos no sismo em Itália

  • 333

REMO CASILLI / Reuters

Proteção Civil italiana atualizou o número de mortes do terramoto desta manhã que provocou graves danos em várias localidades da região centro, mas é quase certo que há ainda mais vítimas sob os escombros

Pelo menos 120 pessoas morreram no sismo que esta madrugada devastou uma série de pequenas localidades da região centro de Itália, revelou a Proteção Civil.

O tremor de terra de 6,2 graus de magnitude na escala de Richter, com epicentro cerca de 140 km (85 milhas) a leste de Roma, atingiu sobretudo o centro do país quando eram 3h32 (menos uma hora em Lisboa), e afetando mais diretamente as localidades de Accumoli, Amatrice, Pescara del Tronto e Sperlonga. Dezenas de réplicas que se sucederam ao abalo inicial agravaram o nível de destruição, sendo quase inevitável que debaixo dos escombros estejam ainda muitos corpos por resgatar.

Dada a hora da ocorrência, a maioria das vítimas mortais seriam residentes e turistas que já dormiam. Amatrice, localidade situada perto do epicentro e que praticamente desapareceu do mapa, segundo relato do presidente da Câmara local, estava lotada de gente, por ser altura de férias e também porque para o próximo fim de semana estava agendada a feira gastronómica que ali se realiza anualmente e dedicada a um dos seus ex-libris: o esparguete ‘all'amatriciana’, originário daquela cidade.